Assine o fluminense

Operação prende traficantes acusados de ataques a terreiros de candomblé

Polícia Civil identificou criminosos após denúncias de casos de intolerância religiosa

A Secretaria de Estado de Polícia Civil (Sepol), por meio da 62ª DP (Imbariê), realiza na manhã desta quarta-feira (14), operação na comunidade Parque Paulista, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, para desarticular uma facção criminosa de tráfico de drogas que atua naquela região. A quadrilha é apontada como responsável por ataques a terreiros de candomblé. Até o momento sete pessoas foram presas.

De acordo com a 62ª DP, as investigações tiveram início há cerca de três meses logo após a comunicação dos casos de intolerância religiosa praticados pelo bando a terreiros localizados naquela comunidade. A unidade identificou os criminosos e conseguiu na Justiça os mandados de prisão.

A ação conta com apoio de delegacias dos Departamentos Geral da Baixada (DGPB), da Capital (DGPC), de Especializadas (DGPE) e da Coordenadoria de Recursos Especiais (CORE). 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top