Assine o fluminense

Preso acusado de roubar mais de 30 cargas em SG

Criminoso foi capturado pela Polícia Federal no bairro Mutuapira

Um homem foi preso nesta quarta-feira (07) pela Polícia Federal (PF) em São Gonçalo, acusado de mais de 30 roubos de cargas dos Correios na cidade. Segundo a polícia, o preso já era investigado pelos ataques aos veículos da empresa há pelo menos dois meses e no momento em que foi abordado pelos agentes, ainda teria tentado subornar os policiais federais. Igor de Oliveira Paiva, de 37 anos, ainda segundo a PF, acabou capturado minutos depois de roubar uma carga no bairro Mutuá. 

De acordo com a polícia, o acusado costumava abordar os veículos armado com um revólver calibre 32. Os motoristas eram obrigados  a transferir a carga para outro carro, que foi apreendido. Os agentes chegaram ao acusado depois que receberam a informação de que uma carga dos Correios havia sido roubada. O homem foi preso na Rua Marlene Pinheiro, dentro do veículo que seria utilizado nos roubos.

 De acordo com a PF, no momento da abordagem o acusado estava com as mercadorias recém-roubadas dentro do carro: um Palio prata com marcas de tiro na lataria. O homem não reagiu à prisão.

De acordo com o delegado federal Enrico Zambrotti Pinto, a polícia vai investigar a possibilidade da participação de algum funcionário da empresa nos crimes. “Nós sabemos que ele não agia sozinho e vamos investigar a participação de outras pessoas. Queremos saber como ele tinha ciência das rotas em que os veículos passavam e também como ele fazia para escoar esses produtos. São mais de 30 roubos com um número bastante alto de mercadorias”, declarou. 

Ainda de acordo com o delegado, o Núcleo de Operação da PF vai intensificar as ações para coibir os roubos aos veículos dos Correios.  “Estamos investigando outros casos e é possível que aconteçam novas prisões”, disse Enrico Zambrotti. 

Até o fechamento desta edição, os Correios não se pronunciaram sobre os frequentes ataques a seus veículos de entrega. 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top