Assine o fluminense

Deputados da Alerj elegem Mesa Diretora

Inscrições das chapas só serão realizadas na hora.Nos bastidores, acredita-se que processo eleitoral aconteça em chapa única

Neste sábado (2), em sessão extraordinária, os deputados estaduais já empossados na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro participarão da eleição da Mesa Diretora para o próximo biênio.  

As inscrições das chapas só são realizadas na hora, mas, nos bastidores da Casa Legislativa, acredita-se que o processo eleitoral aconteça em chapa única. Isto porque André Ceciliano (PT), atual presidente da Alerj que já declarou que encabeçará uma chapa, já conta com o apoio formal de nove partidos: PP, PRP, PRB, PRTB, PHS, DEM, PMB, Patriota, que possuem representantes na composição da chapa. 

A força da coalizão está dificultando composições de chapas de oposição. Isto porque pré-candidatos não vêm conseguindo apoio nem para a formação de suas chapas, que precisam ter quatro vice-presidentes, além de um presidente e um primeiro-secretário. 

A possível chapa de Ceciliano à mesa diretora deve contar com Jair Bittencourt (PP), como vice-presidente; Renato Cozzolino (PR), como segundo vice-presidente; Tia Ju (PRB), como terceira vice-presidente; Leo Vieira (PRTB), como quarto vice-presidente; e Marcos Muller (PHS), como primeiro-secretário.  

O PSL de Jair Bolsonaro, que teve resultado expressivo no último pleito, conseguindo eleger 12 parlamentares para a Alerj, não entrou em consenso para a eleição da mesa diretora. Metade dos deputados eleitos defendia a candidatura de Rodrigo Amorim (PSL) e a outra defendia o apoio à candidatura de Márcio Pacheco (PSC), do partido do governador Wilson Witzel, à presidência. 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top