Assine o fluminense

Sérgio Gome

Para não esquecer jamai Freddy Glatt, presidente da Associação dos Sobreviventes do Holocausto do Rio de Janeiro, discursa na Câmara Municipal de Niterói, na última segunda-feira. Na oportunidade, foi promovida a 13ª sessão solene em memória ao genocídio dos judeus durante a Segunda Guerra Mundial.

Biometria chega a mais 35 municípios

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ), desembargador Carlos Santos de Oliveira, anunciou que 35 cidades do Estado do Rio de Janeiro terão cadastramento biométrico obrigatório em 2019. “Acreditamos que com essa medida iremos atingir a meta do Tribunal Superior Eleitoral, de que todo o eleitorado esteja cadastrado biometricamente até 2022”, afirmou. Há previsão de que a biometria seja iniciada em junho em 10 municípios, incluindo Duque de Caxias, que possui mais de 600 mil eleitores. 

Homenagem em Petrópolis

A Academia Petropolitana de Letras, presidida por Gerson do Valle, promove no próximo dia 8, às 19h, uma sessão solene no Cineteatro Museu Imperial para outorga dos agraciados de 2018 no Prêmio APL, que distingue anualmente personalidades petropolitanas que dignificaram a cultura em variadas modalidades. Haverá ainda homenagens especiais, inclusive à Academia Fluminense de Letras, que será representada no evento pelo presidente Waldenir de Bragança.

 

Cadastramento em todo o Estado

Os municípios de maior Colégio Eleitoral a passar pelo procedimento são Duque de Caxias, São João de Meriti e Magé. Também farão o cadastramento biométrico os eleitores de Iguaba Grande, Arraial do Cabo, Bom Jesus do Itabapoana, Cambuci, Cantagalo, Carmo, Santa Maria Madalena, Rio Claro, Mendes, Vassouras, Engenheiro Paulo de Frontin, Conceição de Macabu, Porciúncula, Itaocara, São José do Vale do Rio Preto, Sumidouro, Comendador Levy Gasparian, Silva Jardim, Sapucaia, São Fidélis, Natividade, Varre e Sai, Italva, Cardoso Moreira, Laje do Muriaé, Miracema, Cordeiro, Macuco, Porto Real, Quatis, Carapebus e Quissamã. 

Curtas

Redes sociais, financiamento coletivo e fake news são componentes que têm afe  eleições do Brasil e de vários países. Com o objetivo de discutir o papel do Judiciário diante destas e outras questões que incidem sobre as democracias, a Escola de Direito do Rio de Janeiro da Fundação Getulio Vargas (FGV Direito Rio) promove, nesta quinta-feira, dia 2, o seminário “Eleições, desinformação e justiça: desafios e respostas in

ternacionais”.

Ontem, a Comissão de Minas e Energia da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) afirmou que irá protocolar um requerimento cobrando explicações da Light sobre os apagões na Baixada, no fim da noite do último domingo. Campeã entre as empresas mais processadas no estado do Rio, a Light atende cerca de 11 milhões de pessoas.


Ajuda para a Apae

A Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais de Niterói acaba de inaugurar sala para fisioterapia infantil em sua sede, no Centro de Niterói, montada com o apoio do Rotary Club Niterói-Norte. A iniciativa faz parte de movimento dos clubes rotatórios da cidade, buscando angariar recursos para a entidade assistencial presidida por Sonia Saraiva dos Anjos.


Identidade com isenção

O Detran/RJ e a Fundação Leão XIII realizam hoje ações sociais em três bairros no Rio para a emissão de carteira de identidade com isenção. Das 9h às 13h, as ações serão em Anchieta, na Praça Granito, e no Caju, na Vila Olímpica Mané Garrincha. Das 13h às 17h, será em Madureira, na Rua Carvalho de Souza, em frente ao shopping dos Peixinhos. Para obter o documento, deve-se apresentar o original da certidão de nascimento ou de casamento. 

 

Mais notícias de
Informe

Scroll To Top