Assine o fluminense

Enel pode ter multa por falta de energia 

“O vendaval que atingiu a Região Metropolitana do Rio no último domingo gerou graves consequências no abastecimento de energia elétrica de Niterói. Moradores de diversos bairros passaram horas e até dias sem luz”, lembra o vereador Paulo Eduardo. Em meio a essa crise, uma sentença da 8ª Vara Cível de Niterói, proferida em 17 de abril, a partir de ação civil pública movida em 2015, determina multa de R$ 20 mil à concessionária, a partir de agora, para cada atraso de mais de seis horas no restabelecimento de energia após sua intimação e R$ 200 mil de danos morais coletivos. A Enel vai recorrer da decisão.

Contato com Defesa do Consumidor 

O mandato de Paulo Eduardo Gomes já entrou em contato com a Promotoria de Defesa do Consumidor para requerer que sejam aplicadas as condenações pela última queda de energia, que em alguns lugares ultrapassou 30 horas. “Como a sentença é do dia 17 de abril, ou seja, antes da nova crise da falta de energia, esperamos que as multas e todas as penalidades previstas sejam desde já aplicadas à Enel”, escreveu o vereador nas redes sociais.

Mais transparência na Alerj

O deputado estadual Alexandre Freitas (Novo), apresentou, na última semana, na Alerj, uma emenda a um Projeto de Lei, de Eliomar Coelho (Psol), para que seja divulgada, semanalmente, a lista de presença dos parlamentares da Casa. Freitas pretende estender o âmbito do PL para que, mensalmente, sejam divulgados a relação dos assessores vinculados a cada um dos gabinetes parlamentares, incluindo cargos e vencimentos. Com sua emenda, no entanto, o PL saiu de pauta na Casa.

22 de novembro sem feriado 

Ao que tudo indica, a redução do número de feriados municipais, reivindicação antiga dos comerciantes niteroienses, pode ser atendida. Uma Mensagem do Executivo, que transforma o feriado de 22 de novembro em data comemorativa pelo aniversário da cidade já está na Câmara Municipal e pode ajudar a economia local. “Diversas capitais brasileiras já adotam esse padrão, que não prejudica o comércio e toda a sua economia. Levantamos essa bandeira e há cinco anos temos lutado por ela e agora soubemos desta iniciativa louvável do prefeito”, comemora Charbel Tauil, presidente do Sindilojas. 

Curtas

Nos últimos meses São Gonçalo vem registrando um aumento no número de crimes violentos contra à mulher. São espancamentos, facadas, cárcere privado e até morte por arma de fogo. Na próxima terça-feira, dia 7, às 9 horas, no plenário da Câmara Municipal dos Vereadores, no bairro do Zé Garoto, será discutido o tema: “O que fazer para frear os altos índices de Feminicídio em São Gonçalo”.

O Conselho Federal de Medicina (CFM) e a Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP) comemoraram a publicação da Política Nacional de Prevenção da Automutilação e do Suicídio. Instituída pela Lei Nº 13.819/2019, ela foi publicada essa semana no Diário Oficial da União (DOU) e é consonante ao movimento empreendido por essas entidades médicas – e outras como a Asociación Psiquiátrica de América Latina (APAL).



Diálogos verdes

Nesta segunda, às 19h, o auditório da Câmara Municipal de Niterói receberá mais uma edição dos “Diálogos verdes”. O convidado da roda de conversas é o vereador Leandro Portugal (PV) que falará sobre propostas de desenvolvimento sustentável para a cidade.

IAB promove seminario

Organizado pela Comissão da Mulher do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB), presidida por Deborah Prates, ativista da causa das mulheres com deficiência, o seminário sobre A mulher e o meio ambiente será realizado na próxima terça, às 17h, no plenário do Instituto, no Centro do Rio.

Anderson presente 

A Rua F, no Loteamento Santo Antonio, em Niterói, pode passar a se chamar Rua Anderson Pedro Gomes, que foi assassinado enquanto exercia sua profissão de motorista, juntamente com a vereadora Marielle Franco, no ano passado. A rua foi escolhida pela proximidade da residência de sua família, que habita em Niterói e a iniciativa é do vereador Sandro Araújo (PPS).

 

Cristo Redentos em alta

O Cristo Redentor do Rio de Janeiro aparece na lista dos 50 melhores atrativos turísticos do mundo, segundo a Stasher, startup inglesa, conquistando a 33ª colocação. A lista da empresa cita ainda outros dois atrativos brasileiros: o Beto Carrero World, de Penha, em Santa Catarina, que aparece na 38ª posição, e a Pinacoteca de São Paulo, que conquistou o 64º lugar no pódio. O primeiro lugar fica com a Plaza de Espana, em Sevilha, na Espanha.

 

Mais notícias de
Informe

Scroll To Top