Assine o fluminense

Divulgação

A juíza Vanessa Cavalieri, titular da Vara da Infância e Juventude e representante da CEVIJ, Damares Alves, ministra da Família e dos Direitos Humanos, e a promotora Luciana Benisti em encontro para discutir a superlotação no sistema socioeducativo e sobre o desaparecimento de criança

 

Por Alberto Brizola
albertobrizola@ofluminense.com.br
informe@ofluminense.com.br

Com Lucas Schuenck
lucas.schuenck@ofluminense.com.br

Impactos econômicos do corte na Educação 

A segunda audiência pública da Jornada do Corte Federal, da Alerj, aconteceu nesta semana, na Universidade Federal Fluminense (UFF), em Niterói. No encontro, foram ouvidos representantes do Estado do Rio e de instituições federais de ensino. Os gestores públicos temem que o contingenciamento do governo federal no setor da educação gere um “efeito cascata” que irá fechar empresas prestadoras de serviços, comércios do entorno dos campi e, consequentemente, paralisará as unidades de ensino. A Jornada do Corte Federal, que pretende apurar os impactos econômicos do contingenciamento de recursos no setor da Educação por parte do Governo Federal, é organizada pela Comissão de Economia, Indústria e Comércio da Alerj, presidida pelo deputado estadual Renan Ferreirinha (PSB). Além dele, o deputado estadual Waldeck Carneiro (PT), vice-presidente da comissão, também esteve na audiência na UFF. No próximo dia 13, a última audiência será promovida, desta vez, na UFRJ.

 

Influência digital

Flávio Bolsonaro (PSL) é o parlamentar do Rio de Janeiro mais influente nas redes sociais. O levantamento foi feito pela empresa FSB, que produziu o ranking FSBinfluênciaCongresso, referente aos meses de abril e maio. O senador ocupa a oitava posição do total de 589 parlamentares listados. Bolsonaro é seguido, no recorte estadual, pela deputada Jandira Feghali (PCdoB), que está em 11º lugar, e pelo deputado Marcelo Freixo (Psol), ocupante da 12ª colocação. Dos 594 parlamentares, apenas quatro deputados e um senador do país não postaram qualquer conteúdo nas redes sociais no último biênio.

 

NOTA 10

Para a igualdade de gênero. Nesta semana, a professora Denise Pires de Carvalho foi nomeada nova reitora da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Com isto, Carvalho torna-se a primeira mulher a ocupar o cargo na história da renomada instituição.

NOTA 0 

Para a quantidade de esgoto que condomínios e empresas despejam nas praias do Rio de Janeiro. Nesta semana, a Comlurb recolheu 50 toneladas de gigogas, algas que crescem com a presença de esgoto, da praia da Barra da Tijuca, na Zona Oeste da Cidade Maravilhosa.


Divulgação

PSL quer ‘endireitar Niterói’ Em reunião do diretório municipal do PSL-Niterói, nesta semana, reuniram-se os pré-candidatos a vereador para as eleições municipais de 2020. O encontro contou com o deputado federal e presidente municipal do partido, Carlos Jordy (PSL), e, entre os pré-candidatos, está Julio Castro.

RECLAMAÇÕES

A Cedae soma 40 mil reclamações sobre vazamento na Região Metropolitana. Hélio Cabral, diretor-presidente da empresa, está ciente e já afirmou que o número de queixa em aberto está oito vezes acima do que é constatado normalmente na empresa. 

Lançamento de livro em Maricá

O “Grupo de Escritores de Maricá” lança, neste sábado, seu livro “Crônicas e Poesias de Maricá”. O evento de lançamento acontece a partir das 16h, no GAM – Ponto de Cultura, em Araçatiba. O evento contará com música ao vivo, bate-papo com os autores, colher autógrafos. A entrada é franca.

No Andaraí

Após inspeção na última quinta, a Defensoria Pública da União revelou que o Hospital Federal do Andaraí passa por uma situação caótica. A unidade já havia sido parcialmente interditada pelo Conselho Regional de Medicina do Rio de Janeiro (Cremerj), na última segunda, devido às más condições de atendimento. Entre os pontos precários, está a falta de médicos.

PRA VOCÊ PENSAR  

“Não são as ervas más que afogam a boa semente, mas sim a negligência do lavrador”.

Confúcio 

    

   

Na internet 

Ouça Love Times, com Alberto Brizola, de segunda a sexta, das 22h à 1h, na rádio Litoral FM 94,5 ou na internet: http://www.radiolitoral.net/

Mais notícias de
Informe

Scroll To Top