Assine o fluminense
 Prefeito segue afastado 

A 2ª Câmara Cível do TJ-RJ negou, nesta semana, o pedido de agravo de instrumento feito pela defesa de Marcus Vinícius de Oliveira Pinto, prefeito de Itaperuna que foi afastado na última semana de seu gabinete por decisão do juiz Dr. Rodrigo Rocha de Jesus. O político é investigado por improbidade administrativa por, segundo o despacho do TJ, contratar irregularmente uma empresa para realizar a coleta de lixo na cidade.

IAB condena ato no 31 de março 

O Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB) aprovou por unanimidade, na sessão ordinária da última quarta-feira, conduzida pela presidente nacional, Rita Cortez, moção de repúdio à determinação do presidente Jair Bolsonaro, para que sejam feitas comemorações nos quartéis em referência a 31 de março de 1964, data que marca o golpe que deu início à ditadura militar no País. “A quebra da ordem democrática não é motivo para celebração na República, por qualquer autoridade constituída ou servidor público”, afirma o IAB.

Encontro empresarial na Barra 

Acontece  hoje, a partir de 8h, no Hotel Grand Mercure Barra, o 38º Encontro de Empresários  G10.  O evento terá como palestrantes Alexandre Cavalcante, que falará sobre o Poder da TV, e Pedro Monteiro, que abordará o tema  Longevidade de Benefícios, seguida de rodada de negócios. Na ocasião serão homenageados a empresária Priscila Morrot, Emanuel Albuquerque, Carlos Favoreto, Zé Mario, Geraldo Gonçalves e Fernanda Flores.  A parte musical ficará por conta do cantor Byafra.  

Ipea reduz previsão de crescimento do PIB 

A previsão de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) para 2019 foi revista de 2,7% para 2%, segundo análise de conjuntura divulgada ontem pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). De acordo com a Carta de Conjuntura, o ano será de baixo crescimento econômico. Segundo o diretor de Estudos e Políticas Macroeconômicas do Ipea, José Ronaldo de Castro, a projeção é de baixo resultado no varejo, taxa de desemprego alta e desaceleração na massa salarial. Ele destaca que o resultado ruim se deve também a fatores externos, como a crise na Argentina, que “prejudica muito as exportações, especialmente de automóveis, no Brasil”

Déficit menor em contas externas

O Banco Central melhorou a projeção para o saldo negativo das contas externas, neste ano. A previsão para o déficit em transações correntes (compras e vendas de mercadorias e serviços e transferências de renda do país com outras nações) passou de US$ 35,6 bilhões para US$ 30,8 bilhões. A previsão está no Relatório de Inflação, divulgado trimestralmente.

 

Cenário piora sem reforma 

O diretor do Ipea explica que, caso a reforma da Previdência não seja aprovada, a projeção de cenário é de estagnação pelos próximos 12 anos, com recessão já no próximo ano. Segundo a projeção do instituto, a reforma da Previdência vai impactar também o espaço fiscal, que indica a diferença entre o teto de gastos do governo e as despesas obrigatórias.

Curtas

Foi publicado no Diário Oficial Eletrônico da Câmara de São Gonçalo, da última quarta-feira, a promulgação da Lei nº 955/2019 que desobriga professores e médicos pertencentes ao quadro efetivo da rede pública municipal de serem novamente submetidos ao estágio probatório quando aprovados em novo concurso público para obtenção da segunda matrícula na mesma área de atuação. A lei é de autoria do vereador Professor Paulo (PCdoB). 

A Câmara Municipal de São Gonçalo realizou audiência pública para debater a regulamentação dos mototaxistas. Hoje, já há uma lei no município que rege a atuação da classe e que precisa ser implementada. O encontro contou com representantes do Sindicato dos Mototaxistas do Estado do Rio. O vereador Lucas Muniz (PMN), autor da lei, presidiu a audiência. “Vamos para a fase de implementar a lei e definir como será sua regulamentação”, declarou.


 Comércio tem nova queda 

O comércio lojista da cidade do Rio vendeu menos 3,8% em fevereiro em relação ao mesmo mês de 2018. É o segundo resultado negativo do ano (janeiro registrou menos 3,2%). Os dados são da pesquisa da CDLRio, que abrange cerca de 750 estabelecimentos comerciais da capital.  


Inflação de aluguel: 8,27%

O Índice Geral de Preços–Mercado (IGP-M), usado no reajuste de contratos de aluguel, registrou inflação de 1,26% em março deste ano, taxa superior ao 0,88% de fevereiro. Segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV), o IGP-M é de 2,16% no ano e de 8,27% em 12 meses.

 

Mais notícias de
Informe

Scroll To Top