Assine o fluminense

Carimbando passaporte

Dona de um blog onde compartilha suas viagens, Lala Rabelo já conheceu 50 países e 264 cidades

Com apenas 26 anos, Lala Rebelo já conheceu mais de 50 países e 264 cidades.

Foto: Arquivo pessoal

Lala Rebelo é o que se pode chamar de Wanderlust (em português, sede de viajar, pessoas que têm forte desejo de explorar o mundo). Com apenas 26 anos, ela já conheceu 50 países e 264 cidades. E diante deste extenso roteiro, decidiu criar um blog no qual compartilha suas aventuras ao redor do mundo e também cria roteiros personalizados de viagens.

Quando você começou a viajar com tanta frequência?
Viajo desde pequena. Meus pais me levavam para conhecer o Brasil a bordo de uma Veraneio. Dias e dias de estrada e milhares de quilômetros rodados. De Cuiabá (MT), minha cidade natal, visitamos, de carro, quase todos os estados brasileiros, a Argentina e o Uruguai. Depois que fiz minha primeira viagem internacional, aos 6 anos, na qual percorremos vários estados norte-americanos, como Califórnia, Utah, Arizona, Texas e Nevada, não parei mais.  

E depois disso, como surgiu a escolha dos roteiros?
Há muito tempo fiz uma lista enorme de destinos que desejo conhecer. Ao longo dos anos e das viagens, vou riscando esses lugares da lista. O problema é que não termino nunca de adicionar novos destinos! 

Quantas viagens você fez só em 2015? E Quantos países já conheceu?
No ano passado fiz 18 viagens, sendo para lugares novos e destinos que eu já conhecia. Hoje conheço um total de 50 países. 

Você costuma viajar sozinha ou acompanhada? Que dica Você dá para quem quer viajar sozinho?
Atualmente viajo muito com meu marido, e quando mais nova viajava com minha família, com amigos ou sozinha. Minha dica para quem viaja sozinho (homens e mulheres) é planejar muito bem a viagem, pesquisar hotéis/hostels, localização, tentar achar comentários de quem já foi (amigos e blogs). Se tem o intuito de conhecer pessoas, procure opções de hospedagem mais jovens, que tenham um bar, por exemplo. Tenha sempre um mapa em mãos e uma ideia bem-definida do que planeja fazer na viagem. Antes de aceitar qualquer sugestão de programação, dê uma pesquisada para saber do que se trata. Procure passeios/tours que não sejam privados. Ah, quem viaja sozinho não pode esquecer do “pau de selfie” para o celular ou para a GoPro, caso não queira ficar pedindo toda hora para alguém tirar uma foto sua nos lugares! (risos)

Qual foi o lugar que você conheceu que mais gostou? Por quê?
Gostei muito da Tailândia por oferecer experiências muito distintas dentro do mesmo país: muita cultura, templos budistas belíssimos, cidades caóticas, cidades de montanha, uma gastronomia muito única e, claro, praias maravilhosas. Também amei a Rússia. Sou descendente de russos e conhecer aquele lugar de perto me causou uma sensação de pertencimento. Já passei por Budapeste, Índia, Egito...

A jovem, que atualmente mora no Panamá, já passou por Budapeste, Índia, Egito e cita a Tailândia e a Rússia como alguns de seus destinos favoritos

Foto: Arquivo pessoal

E como surgiu a ideia do blog?
Sou publicitária, sempre trabalhei com marketing em multinacionais, mas percebi que em todas as horas vagas estava planejando uma viagem e ajudando amigos com dicas e roteiros. A ideia de fazer disso um negócio sempre esteve me rondando, então decidi criar o blog para reunir todas as dicas e experiências em um único lugar, ajudando e inspirando não só os amigos, mas gente de todo o Brasil, e de outros países também. O blog já existe há um ano e meio e o objetivo é inspirar, ir além das dicas práticas, e contagiar o leitor com esse amor que tenho por todos os lugares novos em que já estive. Hoje também uso bastante as redes sociais para dar dicas rápidas de viagem.  

Você também desenvolveu um serviço de consultoria para roteiros personalizados de viagem. Como funciona?
A consultoria de roteiros personalizados consiste em elaborar um planejamento completo da viagem conforme estilo, gostos pessoais, datas disponíveis e orçamento. Para conhecer melhor cada viajante, envio um questionário e também conversamos muito por e-mail. O documento que entrego inclui as melhores opções de hotéis de acordo com o orçamento, restaurantes, guias quando necessário, passagens de avião e de trem, aluguel de carro, além da programação completa para cada dia da viagem, pensada exclusivamente para aquele cliente. Meu roteiro vem cheio de links para o viajante ir reservando tudo por conta própria, sem erros! É enorme a quantidade de pessoas que desejam viajar por conta própria, para ficarem livres, mas que sentem a necessidade de uma ajuda prévia de alguém que tem experiência em viagem, além de contatos e, principalmente, alguém que já esteve naquele destino para ajudar na organização da viagem. Muitos destinos são para “uma vez na vida”, e o melhor mesmo é planejar bem para que tudo dê certo.

Atualmente você está morando no Panamá. Por que escolheu este lugar?
Vim morar no Panamá por causa do trabalho do meu marido. Mas já que estou aqui, na América Central, tão pertinho, estou cumprindo a missão de descobrir todos os tons de turquesa do Caribe. Cada dia me apaixono mais por essa região.

Você já tem outras viagens planejadas para 2016? Quais serão os próximos destinos?
Sim. No primeiro semestre vou para Jamaica, Belize, Trancoso (Bahia) e, muito provavelmente, Indonésia e Fernando de Noronha. 

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Scroll To Top