Assine o fluminense

Pedro Ernesto ganha Centro de Tratamento de Cálculo Renal

Homens e mulheres terão atendimento especializado para tratamento e prevenção do cálculo renal

A Secretaria Estadual de Saúde e o Hospital Universitário Pedro Ernesto inauguram nesta quarta-feira (6), às 10h, o Centro de Tratamento para Cálculo Renal (Centro de Tratamento de Litíase), que funcionará como uma extensão do Serviço de Urologia do Hospital Universitário Pedro Ernesto (HUPE). O atendimento que já acontece na unidade será ampliado e passa a ser especializado no tratamento de cálculos nas vias urinárias (desde o rim até a bexiga). O Centro contará com 5 leitos, além dos 21 já existentes no setor de Urologia, terá capacidade para realizar cerca de 60 cirurgias por mês e atenderá pacientes de todo Estado do Rio, as consultas serão agendadas através do SISREG.  

"O objetivo desse serviço é realizar o tratamento e a prevenção do cálculo renal, além de reduzir a fila de espera por esse procedimento no Estado. Os pacientes terão todo o acompanhamento desde a primeira consulta com o urologista, até a realização de cirurgia, quando indicada. Esperamos zerar a fila para esse procedimento muito em breve", destacou o secretário de Estado de Saúde, Luiz Antonio Teixeira Jr.

O setor conta com uma equipe multidisciplinar formada por urologistas, cirurgiões, anestesistas, nefrologistas e enfermeiros, além de realizar exames de imagem de alta complexidade, como ressonância, urografia excretora e tomografia.

"Estamos ampliando nosso serviço para atender às necessidades do estado. Cerca de 8,5% da população possui cálculo renal ou já teve algum episódio como a cólica renal, cujo o cálculo foi eliminado espontaneamente. A faixa etária mais comum é acima de 60 anos, mas o problema pode atingir várias idades. Vamos atender homens e mulheres e disponibilizar toda a infraestrutura para esse tratamento", explica o urologista Ronaldo Damião, chefe do Serviço de Urologia do HUPE e responsável pelo Centro.

O Centro de Tratamento do Cálculo Renal terá ainda um ambulatório e uma enfermaria exclusivos, além de uma sala no centro cirúrgico onde serão realizadas cirurgias diariamente. Entre as técnicas cirúrgicas utilizadas está a cirurgia aberta, percutânea (que é uma punção que se faz no rim para quebrar o cálculo e retirar) e endoscópica (que utiliza laser para fragmentar o cálculo).

Hoje, o Serviço de Urologia do HUPE oferece atendimento também através da Policlínica Piquet Carneiro, na Tijuca. Na clínica funcionam os atendimentos especializados: Saúde do Homem e o Núcleo de Disfunções Miccionais, que atendem cerca de 70 pacientes por dia e que ainda dispõem de salas para pequenas cirurgias urológicas. Este serviço conta com profissionais como urologistas, enfermeiras, fisioterapeutas, pediatras, ginecologistas e neurologistas.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Scroll To Top