Assine o fluminense

Especialistas debatem sobre desenvolvimento econômico

Grupo Fluminense Multimídia realiza no mês que vem seminários para buscar soluções para driblar crise

Os estaleiros da região e os projetos para o setor estão entre os temas ligados à indústria do Leste Fluminense que serão debatidos durante o seminário por representantes da Firjan, Associação Comercial e Industrial do Estado e Prefeituras.

Foto: Marcelo Feitosa

O Grupo Fluminense Multimídia retoma, neste ano de 2018, a realização de seminários que têm como objetivo debater e buscar soluções para assuntos de interesse de toda a população do Estado do Rio de Janeiro. Em nova parceria com a Universidade Candido Mendes de Niterói, irá promover em maio discussões acadêmicas e técnicas sobre desenvolvimento econômico no Leste Fluminense, convidando autoridades, representantes da sociedade civil e instituições que atuam em diferentes áreas, com o intuito de traçar diagnósticos e buscar soluções para a geração de emprego, renda e melhor qualidade de vida em seus municípios. 

Prefeito de Niterói e presidente do Conleste, Rodrigo Neves confirmou presença no seminário.

Foto: Douglas Macedo

Desde 2015, o Grupo Fluminense Multimídia vem promovendo seminários sobre os mais diferentes temas, entre eles Meio Ambiente e Sustentabilidade, Mobilidade Urbana, Gestão em Turismo, reunindo especialistas e meio acadêmico – alunos e professores. Neste primeiro seminário de 2018, entre os dias 8 e 10 de maio, a partir das 9h, no auditório da UCAM, o foco será o Desenvolvimento Econômico do Leste Fluminense, com ênfase para a retomada dos projetos do Complexo Petroquímico do Estado do Rio de Janeiro (Comperj), as estratégias dos setores de comércio e indústria para superar a crise econômica e alavancar os negócios, além do empreendedorismo e qualificação profissional, empregos e estágios. 

Programação – A qualificação profissional será o tema principal do primeiro dia de seminário. Na abertura, haverá palestra “Os cuidados e perspectivas para quem vai abrir o próprio negócio”, com Mirella Condé, analista sênior do Sebrae na região Leste Fluminense, que irá traçar um panorama do empreendedorismo. A importância do estágio e a conquista do primeiro emprego serão discutidos na mesa de debates com a presença da presidente do Instituto RH-LF, Edmara Uchoa; do superintendente do Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE), Paulo Pimenta Gomes, com mediação de Marcelo Lessa dos Anjos, consultor empresarial, professor e psicopedagogo da Universidade Candido Mendes. 

No segundo dia do encontro, os setores que mais movimentam Niterói e região – comércio e indústria – estarão no foco das discussões, com dois debates reunindo representantes de sindicatos e entidades. A Câmara de Dirigentes Lojistas de Niterói e o Sindicato dos Lojistas do Comércio de Niterói (Sindilojas) já confirmaram a presença de seus presidentes, respectivamente, Luiz Vieira e Charbel Tauil. O secretário de Administração, Fabiano Gonçalves, vice-presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado do Rio de Janeiro, será o mediador. 

Para tratar dos projetos ligados à indústria, foram convidados o presidente da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro no Leste Fluminense, Luiz Césio Caetano; o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico de Niterói, Luiz Paulino Moreira Leite, que também preside a Associação Comercial e Industrial do Estado do Rio de Janeiro, com mediação do advogado e professor da UCAM, Rogério Rocco. 

O prefeito de Itaboraí - município onde está instalado o Comperj - Sadinoel Souza, também participa.

Foto: Lucas Benevides

O último dia do seminário irá focar exclusivamente na retomada das obras do Comperj, com a apresentação detalhada por representante da Petrobras do Projeto Rota 3, que consiste em um conjunto de dutos, gasodutos e a Unidade de Processamento de Gás Natural (UPGN) no complexo de Itaboraí.

O empreendimento começará a intensificar a etapa de contratações de mão de obra local a partir do segundo semestre deste ano. A previsão é de 5 mil empregos em 2019, segundo a Petrobras, chegando a 20 mil contratações diretas e indiretas nesse período. Para debater o retorno do complexo, estão confirmados os prefeitos de Niterói, Rodrigo Neves, que preside o Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento do Leste Fluminense (Conleste), de Itaboraí, Sadinoel Souza; e de Maricá, Fabiano Horta. Para mediar o debate, está confirmada a presença do diretor da UCAM Niterói, professor e advogado José Carlos Oliveira dos Santos.

Faça seu login ou cadastre-se para enviar seus comentários

Comentários

Veja também

Scroll To Top