SG vai ampliar locais de vacinação

Desde o início da campanha, a cidade vacinou com a primeira dose 91.803 pessoas - Foto: Divulgação / Prefeitura de Niterói

Cidades
Tpografia
  • Mínimo Pequeno Médio Grande Gigante
  • Fonte Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

São Gonçalo terá, a partir da próxima segunda-feira (12), mais um ponto de vacinação contra o coronavírus, passando a contar com dez locais. O Cras de Vista Alegre vai atender, das 8h às 17h, pedestres e também terá sistema de drive thru. Nesta quinta-feira (8), São Gonçalo continua vacinando idosos a partir de 68 anos nos nove pontos de vacinação, três deles com drive thru. Além dos idosos, dois grupos de trabalhadores da saúde também podem se vacinar com a primeira dose da vacina. São os trabalhadores da linha de frente dos hospitais de São Gonçalo que ainda não se vacinaram por serem recém-contratados e os que trabalham em hospitais da cidade que não são da linha de frente e têm mais de 50 anos.

Os trabalhadores dos serviços de saúde públicos e privados da linha de frente são aqueles que estão envolvidos diretamente na atenção/referência para os casos suspeitos e confirmados de covid-19 - tanto da urgência e emergência quanto da atenção básica. Neste grupo estão todos os trabalhadores envolvidos na unidade de saúde (faxineiros, atendentes, recepcionistas, maqueiros, médicos, enfermeiros, técnicos…). Para se vacinarem, eles devem comprovar o vínculo empregatício em unidade de saúde do município que seja da linha de frente. Ou se trabalham em outra cidade, devem apresentar o vínculo de trabalho em unidade que seja linha de frente e o comprovante de residência.

Estão na lista dos profissionais de saúde com mais de 50 anos que trabalham em hospitais da cidade ou que moram em São Gonçalo e atuam em hospitais de outros municípios e que podem se vacinar com a primeira dose: técnico em radiologia, enfermeiro, técnico e auxiliar de enfermagem, médico, fisioterapeuta, nutricionista, odontólogo, fonoaudiólogo, psicólogo, biólogo, farmacêutico, assistente social, biomédico e auxiliar e técnico de saúde bucal.

A secretaria também imuniza com a segunda dose da vacina CoronaVac, idosos e funcionários da saúde que têm mais de 21 dias de vacinados. Para a segunda dose, todos devem estar munidos com o comprovante da primeira dose da vacina CoronaVac aplicada pela Secretaria Municipal de São Gonçalo. Aqueles que não levarem o comprovante ou apresentarem comprovante de outra cidade não serão imunizados. Os que foram vacinados com o imunizante Oxford/Astrazeneca devem aguardar o intervalo da vacina, que é de 12 semanas, e ainda não está disponível.

Idosos acamados com mais de 68 anos que são atendidos pela Estratégia Saúde da Família (ESF) estão sendo vacinados em casa. Parentes e responsáveis de acamados ou com mobilidade reduzida, com mais de 68 anos, que não são atendidos pelo programa, podem procurar unidades de saúde mais próximas de suas residências para cadastrar o idoso para receber a vacina em casa ou podem fazer o cadastro através do email [email protected] Os acamados serão vacinados dependendo da disponibilidade das equipes.

Desde o início da campanha de vacinação contra o covid-19, o município de São Gonçalo vem cumprindo o que determina o Plano Nacional de Imunização (PNI) do Ministério da Saúde, tanto na utilização e reserva das vacinas quanto ao atendimento aos grupos prioritários. A população pode acompanhar o site www.saogonçalo.rj.gov.br e as redes sociais da Prefeitura, que informam sobre a vacinação e quem tem prioridade.

Balanço - Desde o início da campanha, a cidade vacinou com a primeira dose 91.803 pessoas, sendo 22.738 trabalhadores da saúde, 64.868 idosos com mais de 68 anos, 1.648 funcionários e pessoas em Instituições de Longa Permanência (Ilpis), 105 pessoas de residências terapêuticas, dois indígenas e 2.442 acamados. Até as 16h desta quarta-feira (7), 27.739 pessoas tinham sido imunizadas com a segunda dose.

Locais de vacinação, de

segunda a sexta, das 8h às 17h e sábado, das 8h às 12h

- Polo Sanitário Dr. Washington Luiz, Zé Garoto

- Ginásio do Clube Mauá, Centro

- Umpa Nova Cidade

- Clínica Gonçalense do Mutondo

- Polo Sanitário Dr. Hélio Cruz, Alcântara

- Clínica da Família Dr. Zerbini, Arsenal

- Polo Sanitário Rio do Ouro

- PAM Coelho

Pontos com drive thru

- Campo do Clube Mauá, Centro

- Centro de Tradições Nordestinas, Neves (somente drive thru)

- Umpa Nova Cidade

Público-alvo e documentação solicitada para primeira dose

- Profissionais de saúde com mais de 50 anos ou da linha de frente, de qualquer idade, que trabalham em hospitais de São Gonçalo e moram na cidade.

Documentos solicitados: comprovante de trabalho em área hospitalar, CPF ou cartão do SUS e carteira de vacinação.

- Profissionais de saúde com mais de 50 anos ou da linha de frente, de qualquer idade, que trabalham em unidades hospitalares de São Gonçalo e que residem em outros municípios.

Documentos solicitados: comprovante de trabalho em área hospitalar de São Gonçalo, CPF ou cartão do SUS e carteira de vacinação.

- Profissionais de saúde com mais de 50 anos ou da linha de frente, de qualquer idade, que trabalham em hospitais de outros municípios e residem em São Gonçalo.

Documentos solicitados: comprovante de trabalho em área hospitalar, comprovante de residência de São Gonçalo, CPF ou cartão do SUS e carteira de vacinação.

- Idosos (idades definidas de acordo com o calendário)

Documentos solicitados: identidade, CPF ou cartão do SUS, comprovante de residência e carteira de vacinação.