20
Ter, Out

Lei Aldir Blanc: inscrição aberta para prêmio de ações locais

Ao todo, cerca de 258 projetos do Rio serão premiados com o repasse da Lei emergencial - Foto: Gui Maia/Governo do Rio

Rio de Janeiro
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, lança nesta sexta-feira (15), a primeira seleção simplificada da Lei de Auxílio Emergencial Aldir Blanc. A premiação para ações locais, destinada a atividades e projetos nos campos da cultura, da arte, da comunicação, tem inscrições abertas a partir das 15h, no site da Secretaria.

Ao todo, cerca de 258 projetos serão premiados com o repasse da Lei emergencial. Por meio de pessoas físicas ou jurídicas, o objetivo é dar continuidade a projetos existentes nas comunidades e territórios. Poderão participar da seleção pessoas físicas com 18 anos ou mais, pessoas jurídicas na qualidade de MEI, e grupos e coletivos não formalizados juridicamente, residentes do município do Rio de Janeiro

As atividades propostas devem prever ainda, a possibilidade de transmissão online, através das redes sociais e outras plataformas e registro em vídeo das ações realizadas. Cada ação local selecionada receberá o prêmio de R$13.178,29 mil para a execução das atividades, que deverão ter um cronograma de realização das ações em até 90 dias a contar do recebimento do recurso.

O prazo para inscrição é até às 23h59 do dia 30 de outubro, no site da Secretaria. No formulário de inscrição, entre outros critérios, o candidato à premiação deverá anexar dois vídeos de até um minuto cada, de pessoas de referência no local onde se realiza a ação, reconhecendo e explicando sua importância.

Avaliação 

A seleção dos projetos será realizada por meio de uma comissão composta por pessoas credenciadas através de chamamento público. Cada ação local será avaliada por, no mínimo, três pareceristas, e cada avaliador atribuirá às ações locais, notas de acordo com diferentes critérios. Dentre eles a promoção de transformações locais, reconhecimento da ação pela comunidade local, vínculo do proponente com o local onde a ação é realizada, entre outros.

O edital de credenciamento para composição de banco de currículos de pareceristas também está com inscrição aberta no site e o processo de credenciamento será realizado em três etapas. Sendo elas: Triagem administrativa, avaliação de currículo pela Comissão de Credenciamento e publicação de selecionados no Diário Oficial do Município.

Para mais informações, basta entrar em contato através do e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Inscreva-se através do nosso serviço de assinatura de e-mail gratuito para receber notificações quando novas informações estiverem disponíveis.