21
Qua, Out

Ex-governador Pezão é alvo de operação policial

Polícia Civil cumpre mandados de busca e apreensão na casa de Pezão - Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

Rio de Janeiro
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

O ex-governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, é alvo de operação da Polícia Civil, na manhã desta sexta-feira (29). Além dele, outros empresários também são alvo de ação que apura movimentações financeiras em nove companhias. Dois deles foram presos.

A ação foi batizada de Operação Cerco. Os investigadores afirmam que detectaram movimentações de dinheiro superiores à capacidade financeira dos investigados. A ação é um desdobramento da Operação La Casa de Papel desencadeada pelo Departamento Geral de Combate à Corrupção, ao Crime Organizado e à Lavagem de Dinheiro (DGCOR), com apoio do Grupo de Atuação Especializada no Combate à Corrupção (GAECC) do MP-RJ, para apurar fraudes em pregões eletrônicos realizados para aquisição de resmas de papel para diversos órgãos do estado em 2018. Durante a ação, duas pessoas foram presas e documentos e celulares apreendidos para análise.

Ao todo são 26 mandados de busca e apreensão e quatro de prisão, nenhum desses últimos contra Pezão. O ex-governador recebeu os agentes em sua casa, na cidade de Piraí, Sul do Estado, onde presta depoimento.

De acordo com a investigação, a fraude constatada pela Controladoria Geral do Estado (CGE) revelou uma movimentação financeira suspeita no valor de R$ 925 mil, transferido de empresas escolhidas para conta do principal investigado.

Com base no inquérito a Justiça determinou o bloqueio nas contas bancárias dos investigados e suas empresas, no valor total de até R$ 241 milhões. Também foi pedido o afastamento dos sigilos bancário e fiscal dos envolvidos para apurar suposta prática de crimes contra a administração pública e lavagem de dinheiro. Os mandados foram expedidos pela Vara Especializada de Combate ao Crime Organizado do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

 

Inscreva-se através do nosso serviço de assinatura de e-mail gratuito para receber notificações quando novas informações estiverem disponíveis.