22
Qui, Out

Witzel visita obras de futuro hospital estadual em Magé

Parceria com a prefeitura foi anunciada nesta quarta-feira - Foto: Carlos Magno / GOV RJ

Rio de Janeiro
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

O governador Wilson Witzel e o secretário estadual de Saúde, Alex Bousquet, visitaram nesta quarta-feira (8) as obras no prédio da antiga Casa de Saúde Nossa Senhora da Piedade, em Magé, que será transformada em um hospital estadual com 300 leitos e quatro centros cirúrgicos para atender até 500 mil moradores de Magé e municípios vizinhos. O Estado e a prefeitura fecharam uma parceria para garantir a reabertura da unidade.

Também participaram da visita o prefeito de Magé, Rafael Santos de Souza; a secretária municipal de Saúde, Carine Tavares; os deputados estaduais Vandro Família (SDD) e Bruno Dauaire (PSC), líder do Governo Witzel na Alerj; além do presidente da Câmara de Vereadores de Magé, Rogério do Vale.

O prédio da Casa de Saúde estava fechado desde 2010, quando a instituição encerrou suas atividades. A Prefeitura de Magé retomou o imóvel, após obter na Justiça a decretação de seu abandono. O hospital chegou a ser referência na região, com quatro pavimentos em área construída de aproximadamente 5 mil metros quadrados. Nele funcionavam pronto-socorro, maternidade, centro cirúrgico e especialidades.

Witzel fez uma inspeção em todos os andares do prédio, que está praticamente no esqueleto, conversou com operários da obra, e anunciou que o hospital voltará a ser um modelo de atendimento para os moradores da região.

"Vamos fazer uma reforma para colocar um grande hospital regional à disposição dos moradores de Magé e cidades vizinhas. Será um hospital clínico e cirúrgico com 300 leitos e quatro centros cirúrgicos, com capacidade de atender toda a população da região. Será um legado que vamos deixar para Magé", disse Witzel.

As obras de recuperação da unidade foram iniciadas em 9 de junho, data do 455º aniversário de Magé.

O secretário de Estado de Saúde, Alex Bousquet, explicou que a Secretaria de Estado de Saúde vai liberar verbas para o custeio da unidade. A verba para as obras será obtida também por meio de parceria com a Assembleia Legislativa, com recursos de emendas parlamentares.

 

Abastecimento de água

Após a visita às obras da Casa de Saúde, o governador conheceu de perto o projeto de ampliação do Sistema de Abastecimento de Água de Magé, da Cedae. A obra foi retomada na gestão Witzel e tem prazo de conclusão previsto para 18 meses.

O novo sistema vai viabilizar o fornecimento de água potável para a região, beneficiando 200 mil pessoas, num investimento de R$ 8,8 milhões. O projeto prevê a construção de uma ETA, que irá tratar 330 litros de água/segundo, reservatório, estrutura para captação, elevatórias, além do assentamento de 11,6 km de rede adutora, travessias e interligações.

O contrato para as obras de melhorias foi anunciado pelo Governo do Estado em 16 de dezembro e a retomada do empreendimento atende a uma demanda antiga dos moradores do município.

Durante a visita às obras da Cedae, o governador esteve acompanhado do presidente da Cedae, Renato Espírito Santo; do diretor do Interior da empresa, Carlos Braz, e do deputado estadual Renato Cozzolino (PP), que pleiteou também obras de recuperação da RJ-107, conhecida como Estrada da Serra Velha.

 

Inscreva-se através do nosso serviço de assinatura de e-mail gratuito para receber notificações quando novas informações estiverem disponíveis.