11
Ter, Ago

Prefeitura do Rio libera banho de mar, mas permanência na areia está proibida

Banhistas não poderão permanecer nas areias, para evitar aglomerações - Foto: Tomaz Silva / Agência Brasil

Rio de Janeiro
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

A Prefeitura do Rio autorizou o banho de mar nas praias e a presença de vendedores ambulantes a partir deste sábado (1º). No entanto, a permanência de banhistas na areia está proibida. A nova medida foi anunciada pelo prefeito Marcelo Crivella, nesta sexta (31), e faz parte da Fase 5 de flexibilização do isolamento social.

De acordo com o prefeito, os ambulantes poderão trabalhar nas praias das 7h às 18h, além de parques e praças. Não será permitido o aluguel de cadeiras e barracas, nem a venda de bebidas alcoólicas.
Além de não ser permitida a permanência nas areias, os banhistas não poderão levar caixas térmicas para a praia, para inibir as aglomerações.

Até então, só estava permitida a realização de atividades físicas nas praias, o que não vinha impedindo a presença de banhistas em dias de sol. Segundo Marcelo Crivella, está em estudo um aplicativo para que as pessoas possam reservar um espaço na areia, futuramente, o que poderia evitar as aglomerações.

A Fase 5 de flexibilização também amplia o horário de funcionamento de bares, restaurantes e lanchonetes, que agora têm como horário limite 1h, e não mais 23h.

Os shoppings voltam a funcionar nos horários normais, ou seja, das 10h às 22h. Já as lojas de rua, aos finais de semana, poderão abrir às 9h, sem horário de encerramento definido. Nos dias úteis, a abertura continua sendo às 11h, sem horário de fechamento estabelecido. Feiras de artesanato estão liberadas.

Em relação à educação, a prefeitura confirmou que as escolas particulares têm o aval para reabrir, caso queiram. Sobre a volta às aulas nas escolas públicas, ainda não há uma decisão.

A nova fase também permite o uso de piscinas em condomínios. Porém, atividades de hidroginástica não poderão ser realizadas, por causa da participação de grávidas e idosos, que fazem parte do grupo de risco.

Inscreva-se através do nosso serviço de assinatura de e-mail gratuito para receber notificações quando novas informações estiverem disponíveis.