24
Sáb, Out

Professores e alunos da UFF desenvolvem caixa de acrílico para entubação  

As caixas acrílicas são empilháveis e estão sendo testadas no Hospital Universitário Antonio Pedro - Foto: Divulgação

Niterói
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times
Não é de hoje que a Universidade Federal Fluminense vem realizando importantes iniciativas em combate ao Covid-19. O mais novo projeto desenvolvido por professores e alunos da UFF é uma caixa de acrílico que poderá ser usada para entubação e endoscopia por profissionais de saúde em pacientes que estiverem na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e Emergência. O equipamento ainda tem a finalidade de diminuir o contágio do coronavírus nesses profissionais. 

O projeto foi realizado pelo curso de Design e o curso de Engenharia de Produção (ambos da Escola de Engenharia da UFF), a Faculdade de Medicina e o Hospital Universitário Antônio Pedro (HUAP).

A caixa de acrílico possui formato em curva priorizando a aproximação do profissional de saúde ao paciente estabilizado, fazendo com que se crie um bloqueio físico, o que reduz significativamente as chances de contágio viral. 
 
De acordo com os pesquisadores, a ferramenta pode ser utilizada inclusive nos procedimentos de maior risco para o profissional de saúde, como nos casos de entubação e extubação endotraqueal, que é o procedimento de colocação e retirada do tubo de respiração em situações clínicas emergenciais.

Os desenvolvedores do projeto explicam que no desenho da caixa acrílica, os furos laterais para a instalação dos equipamentos médicos receberão ventanas para melhor vedação e, na parte frontal da caixa, será ajustada uma cortina em plástico transparente para o isolamento do paciente. 
 
O projeto prevê a adequação a pacientes de diferentes tamanhos e tipos físicos, já que a caixa foi calculada para caber em camas de 60 a 80 centímetros de largura e até em leitos de tamanhos superiores.

As caixas acrílicas são empilháveis e estão sendo testadas no Hospital Universitário Antonio Pedro (Huap), com o acompanhamento das equipes médicas que darão o aval final ao produto. A previsão é que seja iniciada nos próximos dias a produção em grande escala da caixa acrílica para uso hospitalar.

Participam do projeto os professores Renata Vilanova, Ricardo Gonçalves, José Rodrigues, Mara Salles, Sérgio Mecena e Jano Alves de Souza (com a colaboração de uma equipe de médicos da Faculdade de Medicina), além dos estudantes do curso de Desenho Industrial Weslie Lopennato, Filipe Siqueira e Soraya Baunn. A logística de produção, montagem e distribuição dos equipamentos tem apoio dos professores: Ricardo Carrano, Vitor Hugo Ferreira e James Hall. 

Para dar continuidade ao projeto e atender o maior número de pessoas, o grupo de desenvolvedores pede a doação de qualquer valor que será convertida em alimentação e transporte dos voluntários, a manutenção dos equipamentos de produção e a viabilização de novos projetos de combate ao novo Coronavírus.

Para doar:

Empresa Júnior Meta Consultoria
CNPJ: 00.498.057/0001-62
Santander
Ag. 3399
Cc. 130004505
Inscreva-se através do nosso serviço de assinatura de e-mail gratuito para receber notificações quando novas informações estiverem disponíveis.