22
Qui, Out

UFF defende prolongamento de auxílio financeiro da Prefeitura de Niterói até dezembro

Programa auxilia famílias niteroienses com R$ 500 por mês - Foto: Divulgação/ Prefeitura de Niterói

Niterói
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

A Universidade Federal Fluminense (UFF) recomendou que a Prefeitura de Niterói prorrogue o Programa de Renda Básica Temporária até dezembro deste ano. Em nota divulgada pelo reitor da universidade, Antonio Claudio Lucas da Nóbrega, a UFF, que vem auxiliando o Executivo na tomada de decisões relacionadas à covid-19, defende que essa medida é extremamente fundamental para reduzir os efeitos econômicos da pandemia sobre a população mais vulnerável.

O benefício consiste no pagamento de um auxílio de R$ 500 por mês, durante três meses, para as famílias inscritas no CadÚnico e também aquelas de alunos da rede municipal de ensino que não estão inscritas no programa. Os cartões estão sendo entregues no Caminho Niemeyer, no Centro, de acordo com as iniciais do nome, para que não haja aglomeração.

O reitor da UFF também defendeu a necessidade de prolongar as medidas de isolamento social e a restrição de mobilidade urbana, recentemente endurecidas pela Prefeitura de Niterói. Segundo Antonio Claudio, com base em evidências científicas, não há perspectiva de tratamento ou vacina contra a covid-19 a curto prazo, o que reforça as medidas de distanciamento.

Confira a nota na íntegra:

A Universidade Federal Fluminense (UFF) ratifica a importância da luta conjunta com a Prefeitura Municipal de Niterói em combate à pandemia do novo coronavírus na cidade. Nossa articulação é composta por várias frentes de colaboração, sempre prezando por um modelo de tomada de decisão que prioriza a gestão baseada em evidências científicas. A Prefeitura vem obtendo êxito em evitar um crescimento descontrolado da pandemia, a despeito de todo o sofrimento e dos óbitos registrados. As medidas que vêm sendo implementadas estão salvando vidas e protegem a população de Niterói.

No momento em que nos aproximamos de completar os 60 dias de quarentena, entramos em um período decisivo para o controle da Covid-19. Nesse ponto, é fundamental observar que as evidências científicas mais recentes demonstram que não há perspectiva, a curto prazo, para o estabelecimento de vacina ou tratamento medicamentoso específico, seguro e eficaz. Desse modo, há necessidade de prolongar o período de adoção das políticas de distanciamento social e restrição de mobilidade urbana.

Ao mesmo tempo em que se implementam as medidas sanitárias recomendadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para retardar a propagação do vírus, é imperativo mitigar o problema econômico mediante as diferentes ações adotadas pela Prefeitura de Niterói. Uma política pública de proteção social fundamental para minorar os efeitos sobre a população mais vulnerável do município tem sido o Programa de Renda Básica Temporária, que garante um benefício de R$ 500 reais às famílias até julho de 2020, para permitir a adesão ao distanciamento social e, desta forma, proteger as próprias famílias e as comunidades onde se inserem. Em vista do exposto, recomendamos o prolongamento do Programa de Renda Básica até dezembro de 2020.

Reitor Antonio Claudio Lucas da Nóbrega

 

Inscreva-se através do nosso serviço de assinatura de e-mail gratuito para receber notificações quando novas informações estiverem disponíveis.