21
Qua, Out

Menina de 3 anos é baleada em São Gonçalo

Criança foi socorrida ao Hospital Estadual Alberto Torres - Foto: Divulgação/Governo do Estado

São Gonçalo
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

A menina Adrelany Pacheco de Lima, de 3 anos, foi baleada, na noite desta quinta-feira (2), no bairro Raul Veiga, em São Gonçalo. É possível que o tiro tenha partido de uma perseguição com troca de tiros entre policiais do 7º BPM (São Gonçalo) e criminosos.

Segundo a assessoria de imprensa da PM, agentes estavam em deslocamento quando foram alertados sobre roubo de um veículo que estava acontecendo. O criminoso que abordava o carro teria atirado contra a viatura. Os policiais tentaram deter este criminoso e houve confronto no local, mas o criminoso acabou fugindo.

Naquele mesmo momento, Adrelany estava retornando para sua casa, acompanhada de sua mãe, quando foi atingida pelo disparo. Os policiais foram informados da situação e a socorreram ao Hospital Estadual Alberto Torres (Heat), no Colubandê, onde a menina está internada em estado grave.

Procurada, a Polícia Civil informou que de acordo com a 74 DPª (Alcântara), que registrou o caso, foi instaurado inquérito para apurar as circunstâncias em que a menina foi ferida. Familiares e testemunhas serão ouvidos e diligências estão em andamento para esclarecer o caso.

 

Inscreva-se através do nosso serviço de assinatura de e-mail gratuito para receber notificações quando novas informações estiverem disponíveis.