Programa da Secretaria de Estado de Agricultura beneficia produtores de leite

O Rio Leite visa o aumento da produção e da qualidade do leite através do estímulo aos produtores - Foto: Seappa

Regiões
Tpografia
  • Mínimo Pequeno Médio Grande Gigante
  • Fonte Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

No Dia Mundial do Leite, celebrado nesta quarta-feira (01/06), a Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento, destaca seu papel para alavancar a produção de leite no estado, um alimento tão famoso, completo e indispensável na mesa dos brasileiros. Este dia ganha cada vez mais força diante da importância do leite para a economia do país.

Por meio do programa da pasta, o Rio Leite, uma das linhas de crédito do Agrofundo, os produtores de leite do estado do Rio de Janeiro podem fazer empréstimos com juros mais baixos para ajudar na sua produção. O programa tem o objetivo de impulsionar o setor e aumentar a produção.

- Graças ao trabalho da Secretaria de Agricultura por meio do programa Agrofundo, conseguimos ter um avanço na cadeia produtiva do leite no nosso estado, levando em consideração que o setor é um dos mais importantes. Com essa ajuda os produtores têm a oportunidade de aumentar e investir na sua produção – destaca o secretário de Agricultura, Alex Grillo.

Segundo dados do pasta, mais de R$ 1,8 milhões foram financiados em quase 80 contratos espalhados pelas 5 regiões do estado. O financiamento pode ter prazo de até 60 meses, com juros de 2% ao ano. A bovinocultura de leite é uma atividade agropecuária presente em 88 dos 92 municípios do estado e conta com cerca de 14.990 produtores envolvidos, destes, 55% estão concentrados na região Norte e Noroeste. Só em 2021 foram 552.760.000 litros de leite produzidos em todo o estado.

O gerente do programa Rio Leite, Flaviano Souza, evidencia que o trabalho para garantir o desenvolvimento da genética e o trato com os animais certifica bons resultados na produção e a produtividade de leite.

- Os investimentos de fomento são bem vastos, indo desde o melhoramento da qualidade das pastagens, implantação de novas áreas de forrageiras de corte, melhoramento na estrutura de ordenha e investimentos em irrigação – ressalta o gerente.

O produtor de leite, Cristian Garcia Barreto, do município de Conceição de Macabu, no Norte Fluminense, conseguiu acelerar toda a produção com ajuda do Programa Rio Leite. Com o financiamento da linha de crédito, o produtor executou diversos serviços para modernizar, expandir e controlar a sua produção.

- Trabalho na atividade de leite há algum tempo, como técnico, e há três anos adquiri uma propriedade, aqui em Conceição de Macabu. Eu fui beneficiado com recursos do Rio Leite para a implantação do sistema de pastagem, melhorias das cercas e também na ordenhadeira mecânica, para uso diário na atividade. Agradeço muito ao Governo do Estado, que tem me ajudado bastante através do programa Rio Leite – salienta o proprietário da Fazenda Boa Vista.

Rio Leite

O Agrofundo programa de fomento agropecuário e tecnológico da Secretaria de Agricultura, operacionalizado pela Emater-Rio, que oferece aos agricultores fluminenses empréstimos a juros baixos. Ele atende produtores de frutas, flores, mel, leite, ovos, orgânicos, agroindústrias de base familiar.

A linha de financiamento do leite, o programa Rio Leite, tende o aumento da produção e da qualidade do leite através do estímulo aos produtores e contribuição para a ampliação do mercado. Ações de assistência técnica, introdução de tecnologias e manejos adequados, incentivos tributários e estruturação da cadeia de comercialização contribuem para o desenvolvimento do setor.

Saiba como solicitar

Os produtores fluminenses que desejam solicitar essa linha de crédito podem entrar em contato através do e-mail: [email protected] Outra opção é procurar os escritórios da Emater-Rio, executora do projeto, da sua região. Para consultar todos os endereços dos escritórios locais, acesse o link: https://bit.ly/36EIXfZ