NITERÓI/RJ
Min:   Max:
Panorama RJ

Por dentro das Casas Legislativas do Estado do Rio de Janeiro, por Lucas Schuenck. [email protected]

UFF vai fechar para manutenção

Um dos motivos é uma infestação de cupins, em árvores atrás do prédio da reitoria, que ameaçam a cair na edificação

A Reitoria da UFF, em Icaraí, Niterói: universidade vai parar no final de ano

Divulgação

Os recentes problemas financeiros provocados pelo contingenciamento de verbas do Governo Federal na Universidade Federal Fluminense (UFF), que possui maior parte de seus campi e unidades administrativas em Niterói, ainda provocam efeitos na instituição de ensino. Apesar da resolução de Brasília, que "descongelou" parte das verbas para as universidades, a UFF anunciou, na quarta (30), que terá de parar todas as suas atividades no período de 23 de dezembro deste ano a 3 de janeiro de 2020.

A medida é necessária, segundo carta divulgada pela instituição, porque um laudo técnico da Superintendência de Arquitetura, Engenharia e Patrimônio (SAEP) aponta situação de risco iminente de queda de árvores nos fundos da Reitoria, no bairro de Icaraí, devido a infestação de cupins. Ainda segundo o documento, por conta da falta de verbas, não foi possível "realizar as operações de manutenção das edificações e controle de pragas" integralmente durante este ano.

O período, tradicionalmente, corresponde ao de recesso letivo. Entretanto, a universidade sempre seguiu funcionando para atendimentos administrativos e outras atividades. Desta vez, no entanto, no período, todos os Campi da UFF estarão fechados para manutenção.

 

Niterói quer atrair mais investidores

A Prefeitura de Niterói se reuniu, nesta quarta (29), com os principais nomes da indústria de petróleo e gás em uma câmara técnica que será realizada na Offshore Technology Conference (OTC) Brasil 2019, que acontece no Centro de Convenções SulAmérica. Representantes da Secretaria Municipal de Fazenda estarão presentes com o objetivo de atrair investidores para o município e colocar em discussão propostas que possibilitem a revitalização da cadeia de Oleo & Gás e do Polo Marítimo.

Livros como aliados sociais

O Degase, em parceria com a Secretaria Estadual de Educação (Seeduc) e Secretaria Estadual de Cultura e Economia Criativa (Secec), inaugura nesta quinta (31) um espaço dedicado à leitura em unidades socioeducativas para o regime de semiliberdade no Cense São Gonçalo, que hoje conta com 38 adolescentes. O departamento dá continuidade ao projeto pioneiro "Salas de Leitura", que agora atinge o número de 12 salas em funcionamento.

Os locais são ambientes educativos e de convivência que buscam revelar a importância da leitura aos socioeducandos, sendo envolvidos na implementação das mesmas diversos profissionais como pedagogos, bibliotecárias, professores e socioeducadores.

Para o diretor do Degase, Márcio de Almeida Rocha, a intenção é transformar a leitura em elementos de mudança na vida dos adolescentes. "Nosso objetivo é promover, planejar, organizar ações que favoreçam aos adolescentes o acesso à leitura, que levem a esses adolescentes a reflexão e ao conhecimento para ressignificar suas histórias", declarou.

Dauaire retira projeto de pauta

O deputado estadual Bruno Dauaire (PSC), presidente da Comissão de Servidores Públicos da Alerj, afirmou na quarta (30), durante audiência pública da comissão, que suspenderá a tramitação de um Projeto de Decreto Legislativo de sua autoria que cortaria os efeitos do Regulamento Disciplinar da Polícia Militar (RDPM) e do Corpo de Bombeiros. Hoje, as corporações estão subordinadas a um regimento criado em 1983, por meio de um decreto do Poder Executivo. A justificativa para a decisão de Dauaire, segundo o próprio, é de não prejudicar as forças já que, se fosse aprovado, as instituições teriam o prazo de 90 dias para formular um novo regimento, o que deixaria as mesmas sem amparo legal durante três meses. O coronel da PMERJ, Luciano Carvalho, que participou da audiência, afirmou que um novo regulamento deve ser produzido no prazo de seis meses e enviado para a Casa Legislativa.

Ação correta em desastres ambientais

O deputado Christino Áureo (PP) defende medidas mais firmes em casos de desastre ambiental, como o mais recente, no Nordeste

O deputado Christino Áureo (PP) defende medidas mais firmes em casos de desastre ambiental, como o mais recente, no Nordeste

Douglas Costa

Passados 60 dias do surgimento das primeiras manchas de óleo no litoral do Nordeste, o deputado federal Christino Áureo (PP-RJ), que preside a Frente Parlamentar para o Desenvolvimento Sustentável do Petróleo e Energias Renováveis, defendeu, em plenário, a implantação correta de planos de contingência neste tipo de acidentes. "Nós temos profissionais gabaritados para lidar com o assunto [...] Temos um plano bem feito, mas que não foi acionado da forma devida e nem possui dotação orçamentária que garanta uma ação rápida em casos como esse", disparou.

Secretário de Japeri é preso

Policiais da 63ª DP, em Japeri, prenderam, na quarta-feira (30), Vinícius de Oliveira Araújo, secretário municipal de Urbanismo, suspeito de praticar crime de peculato (desvio de dinheiro) e captação ilícita de votos ou corrupção eleitoral. Os agentes compareceram à Secretaria de Urbanismo, na Estrada Ary Sckiavo, 1.992, na Prefeitura de Japeri, e na residência de Araújo, na Rua Aluísio Kelly, onde inicialmente ele não foi encontrado. Após novas diligências, os policiais localizaram o acusado na secretaria, onde foi cumprido o mandado de prisão, expedido pela Vara Única da Comarca de Japeri. Vinícius foi encaminhado à unidade policial para os procedimentos de praxe e, em seguida, conduzido ao sistema prisional.

Ministra recebe Medalha Tiradentes

A ministra Damares Alves recebe a Medalha Tiradentes na Alerj

A ministra Damares Alves recebe a Medalha Tiradentes na Alerj

Rafael Wallace/Alerj

A ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, recebeu nesta quarta (30) a Medalha Tiradentes, maior honraria concedida pela Alerj. A homenagem foi proposta pelos deputados Rosane Félix (PSD) e Rodrigo Amorim (PSL). "Fiquei surpresa quando soube que receberia essa homenagem, nesse estado que amo tanto, me sinto feliz e honrada. É o reconhecimento que nós estamos no caminho certo, cuidando das pessoas e da nação", afirmou a ministra.

Educar é acolher

A Iniciativa Jardim São João, primeira unidade de ensino da pedagogia Waldorf, em Niterói, realiza um evento de acolhida nesta quinta-feira (31) para pais interessados em conhecer a metodologia de ensino de origem alemã, que vem ganhando espaço em diversas cidades do Brasil. A escola, sem fins lucrativos, valoriza o livre brincar infantil e a alimentação natural, sendo gerida pelas próprias famílias dos alunos. Os interessados podem comparecer na Rua Raul Pompeia, 45, no Bairro de Fátima, às 17h (educação infantil) e 18h (ensino fundamental).

Iniciativa reconhecida

O programa Startup Rio, vinculado à Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI), está concorrendo entre as 10 melhores aceleradoras do país no "Startup Awards", considerado o Oscar do segmento no Brasil. Para Paulo Espanha, coordenador da iniciativa, a metodologia poderá colocar o estado no mapa da inovação. "Estamos no caminho para alcançar resultados cada vez mais objetivos e concretos, colocando o nosso estado como um dos mais inovadores do país", disse.

Scroll To Top