NITERÓI/RJ
Min:   Max:
Panorama RJ

Por dentro das Casas Legislativas, por Lucas Schuenck. [email protected]

Sarampo: 2 milhões para meta

Campanha começou no dia 13 de janeiro; 2 milhões ainda precisam se vacinar para alcance da meta estabelecida

Tânia Rêgo/Agência Brasil

A campanha de vacinação contra o sarampo terminou nesta sexta-feira (13), mas o Estado do Rio ainda precisa vacinar cerca de 2 milhões de pessoas para cumprir a meta estabelecida de proteger o estado contra a doença. De acordo com a Secretaria estadual de Saúde, ao todo, 1 milhão de pessoas foram vacinadas, o que corresponde a um terço da meta de 3 milhões do governo do estado.

A campanha começou no dia 13 de janeiro e mobilizou os 92 municípios fluminenses. A faixa etária recomendada para a vacinação é de 6 meses de idade aos 59 anos, mas as crianças fazem parte do grupo mais vulnerável, representando cerca de 60% dos casos. Os dados de vacinação foram divulgados na segunda-feira (9), ainda durante a campanha, podendo ter alterações.

Também nesta sexta (13) terminou a Campanha Nacional de Vacinação voltada para crianças e jovens com idade entre 5 e 19 anos. A campanha estadual tem uma abrangência maior, convocando também bebês e adultos para tomar a vacina.

Mesmo com o fim da campanha, as pessoas ainda podem se vacinar. A vacina é fornecida pelo Ministério da Saúde e está disponível gratuitamente nos postos de saúde municipais durante todo o ano, conforme prevê o calendário nacional de imunização.

Deputado quer suspender viagens

O deputado Léo Moraes (RO), líder do Podemos na Câmara dos Deputados, quer que o Ministério Público Federal ajuíze uma Ação Civil Pública para que sejam suspensos, por 30 dias, todos os voos da Ásia e da Europa para o Brasil. A representação foi protocolada nesta sexta (13) e alcança também embarcações marítimas vindas dessas localidades. "O objetivo é proteger a saúde da população brasileira", afirma Moraes.

495 casos de dengue

O Rio de Janeiro teve 495 casos prováveis de dengue até a quarta semana de janeiro, revela o Boletim Epidemiológico do Ministério da Saúde. A população fluminense deve estar atenta, já que o Rio é um dos estados brasileiros em alerta para um possível surto da doença no começo deste ano.


Prevenção

Existem várias formas de se prevenir contra a picada do mosquito Aedes aegypti, que também é vetor de zika e chikungunya. O diretor do Departamento de Imunizações da Secretaria de Saúde do Ministério da Saúde, Júlio Croda, reforça a necessidade de eliminação rotineira dos criadouros do mosquito.


Focos

"Elimine os focos na sua residência. Essa eliminação tem que ser semanalmente. Você pode eleger um dia, geralmente, aos fins de semana, para fazer essa busca no sentido de encontrar e eliminar esses focos", recomenda Croda. Também há possibilidade de surto em outros 11 estados brasileiros.

Museu Imperial fecha portas

A Direção do Museu Imperial, em Petrópolis, Região Serrana do Rio, confirmou, por meio de nota, nesta sexta-feira (13), que o estabelecimento estará fechado até a próxima terça (17) por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Em nota divulgada, a entidade afirma que os recentes acontecimentos "exigem o compromisso de todos com sua prevenção e saúde pública, especialmente dos gestores de equipamentos públicos com elevado fluxo de frequentadores". Ainda segundo a nota, a medida pretende prevenir a "saúde dos visitantes e funcionários da instituição". Além do museu, todo o Palácio Imperial da cidade, que conta com o palácio e o jardim, também não poderá receber visitantes.

Proderj sob nova direção

O administrador Mauro Farias é o novo presidente do Proderj

O administrador Mauro Farias é o novo presidente do Proderj

Divulgação

O administrador Mauro Farias é o novo presidente do Proderj. O gestor anunciou que o órgão de tecnologia coordenará as adequações em âmbito estadual para a implementação das exigências da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que entrará em vigor ainda neste ano.

Concurso para Educação de SG

A Secretaria de Educação de São Gonçalo (Semed) publicou, nesta sexta (13), o edital para provimento de vagas (360) e formação de cadastro de reserva (1.828) do quadro de pessoal efetivo. Serão mais de duas mil oportunidades para o plano de carreira do Magistério Público Municipal e funcionários da Educação, com cargos disponíveis para nível fundamental, médio, médio/pedagógico e superior. O Instituto Selecon ficará responsável pelo certame. Os vencimentos variam entre R$ 1.033,82 e R$ 1.672,10, de acordo com o cargo, assim como a carga horária, que vai de 16 a 40 horas semanais. A remuneração final pode receber diversos benefícios, como adicional por tempo de serviço, adicional de produtividade, vale-transporte, função gratificada, entre outros. Os interessados podem se inscrever a partir de segunda (16), no site www.selecon.org.br.

Isenção de pedágio para agricultores

O deputado estadual Anderson Alexandre (SDD)

O deputado estadual Anderson Alexandre (SDD)

Divulgação

O plenário da Alerj aprovou incluir na pauta de votação um projeto de lei do deputado Anderson Alexandre (SDD), que assegura isenção nos pedágios aos veículos conduzidos ou de propriedade de agricultores. Por meio do Projeto de Lei 1704/2019, o deputado propõe isenção para veículos utilizados exclusivamente para atividades produtivas. "A aprovação do projeto diminuirá custos de centenas de produtores, refletindo no preço final dos produtos e gerando, automaticamente, economia para os consumidores fluminenses. Ganha o produtor e o consumidor", afirma o parlamentar.

Scroll To Top