NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Pedestres sofrem com o estado das calçadas de Niterói

Buracos, bueiros e rampas sem manutenção prejudicam quem anda a pé pela cidade

Dias de chuva são preocupantes para quem precisa andar pelas ruas de Niterói

Douglas Macedo

As condições das calçadas e ruas da cidade de Niterói vem se tornando um agravante para a população que circula pelos arredores do Palácio Arariboia, na Rua da Conceição. Moradores e trabalhadores que passam diariamente pelo local lamentam ao ter que conviver com buracos, bueiros sem manutenção e difícil circulação oferecidos aos deficientes físicos que não encontram infraestrutura necessária.

"Está cada dia pior! Vira e mexe presenciamos pessoas caindo, idosos e até crianças. Temos que prestar bastante atenção ao andar nas ruas, ainda mais em dias de chuva que os buracos estão cheios d'água e fica difícil enxergar", conta a residente Heloísa Cristina

Em contato feito com outra pessoa que passavam pela via, o questionamento se deu referente a boa colocação da cidade em acessibilidade e o mau funcionamento das rampas oferecidas aos cadeirantes.

"As rampas são totalmente inclinadas, não oferecem seguranças e quando chove, fica escorregadio, tendo o risco da cadeira de rodas virar. Além da altura entre o meio fio onde fica a rampa e a rua, que são enormes. Esses dias mesmo eu vivenciei a cena de um cadeirante que estava sozinho e não conseguiu subir na calçada. É lamentável", contou uma residente do local

Procurada, a Secretaria de Conservação e Serviços Públicos (Seconser) informou que equipes estão trabalhando exclusivamente na recuperação de calçadas públicas e rampas de acessibilidade do Centro da cidade. Atualmente, os trabalhos se concentram em frente ao Reserva Cultural. Na semana que vem, o serviço irá para a Praça Arariboia.

Scroll To Top