NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Baixada discute intolerância

A cidade de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, receberá, nesta sexta-feira, um importante debate sobre intolerância religiosa. A Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e Cidadania da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) realiza, às 9h, no terreiro de Candomblé Ilê Omiojuarô, na Rua Francisco Antônio Nascimento, nº 42, uma audiência pública para debater o tema. Presidente da comissão, a deputada Renata Souza (Psol), afirmou que durante o encontro serão debatidas políticas públicas para o combate da intolerância religiosa. "O crescimento do fundamentalismo religioso no Brasil é alarmante. E os alvos preferenciais são as religiões de matriz africana. O povo de santo não aguenta mais o racismo religioso", disse a parlamentar. Em julho deste ano, após traficantes atacarem um terreiro de mais de 50 anos na Baixada Fluminense, quebrando imagens e depredando o local, centenas de pessoas foram às ruas em Nova Iguaçu em uma caminhada contra a intolerância.

Scroll To Top