NITERÓI/RJ
Min:   Max:

De volta aos programas de TV

Com a população reclusa, televisão busca contribuir e também sofre com medidas preventivas

A programação de televisão volta a ter muita importância em tempos de pandemia

Pixabay / Reprodução

Com a população em quarentena, reclusa em casa, a TV voltou a se destacar como forma de entretenimento nos lares de todo mundo. Como forma de colaborar com a medidas preventivas, no Brasil, as principais operadoras de TV por assinatura têm liberado vários canais de suas grades para os usuários, independente do plano. As medidas também afetaram a exibição das tradicionais novelas, que tiveram que descontinuar as gravações e serem substituídas provisóriamente por reprises.

A Claro Net TV foi a operadora que mais promoveu mudanças, abrindo o sinal de quase todas as emissoras da sua grade. A empresa está oferecendo o pacote Top HD para todos, além dos streamings ao vivo no Now. Fora isso, a Claro também aumento o sinal da banda larga para os assinantes.

A Oi TV também liberou várias emissoras em apoio à campanha de prevenção, entre elas: Nick, Nick Jr., E!, AXN, A&E, History 2, Lifetime, Cinemax, Sony, Canais Telecine, Comedy Central, VH1 Megahits e Paramount.

A SKY incluiu mais 23 canais à lista de sinais abertos, durante o período de pandemia, sendo que a operadora já havia liberado mais de 70 canais na primeira quinzena de março, para entretenimento de seus assinantes no período em que não podem sair de casa.

Entre as emissoras: Disney Channel, Disney Junior, Disney XD, DOGTV, DW, ESPN, ESPN 2, ESPN Brasil, ESPN Extra, FOX, FOX Life, FOX Sports, FOX Sports 2, FX, Nat Geo Kids, National Geographic, National Geographic Wild, NHK, RAI, SIC, Travel Box, TV5, TVE.

Globo anunciou que o público pode consumir gratuitamente os principais canais lineares da emissora, cujos sinais estão abertos na maioria das operadoras do país. Independentemente do pacote contratado. São canais como: Gloob, Gloobinho, Canal Brasil, Multishow, GNT, SporTV, SporTV 2 e SporTV 3, GNT, VIVA, Universal TV, Studio Universal, Syfy, Telecine Premium, Telecine Action, Telecine Fun, Telecine Touch, Telecine Pipoca, Telecine Cult, Megapix, Mais Globosat, BIS e OFF, além da GloboNews.

A plataforma de streaming 'Globo Play' também está deixando aberto conteúdos voltado ao público infantil, visando o período em que escolas estarão sem aulas.

O grupo bandeirantes também anunciou que deixará aberto nas operadoras os canais pagos Arte1, BandNews TV, BandSports e Terre Viva.

Novelas - Programação de lazer tradicional dos brasileiros, pela primeira vez as novelas exibidas pela Rede Globo tiveram suas gravações antecipadas ou interrompidas e exibição alteradas, em uma medida medida de prevenção ao Coronavírus.

Duas produções, 'Amor de mãe' e 'Salve-se quem puder' serão alteradas, em uma iniciativa inédita da emissora.

Neste sábado (21), foi ao ar o último capítulo inédito de 'Amor de mãe', exibida às 21h, horário mais nobre da grade.

A partir desta segunda (23), o horário passa a ser ocupado por uma reprise compacta de "Fina estampa'.

'Salve-se quem puder' será exibida até o próximo dia 28, sendo substituída no dia 30 pela reprise de 'Totalmente demais".

A produção das 18h, 'Éramos seis' chega ao fim também no próximo dia 28, mas em seu lugar o folhetim inédito teve que aguardar a quarentena dando lugar a um compacto de 'Novo mundo'.

'Malhação: Toda Forma de Amar' teve o final antecipado para abril. a temporada será substituída pela reapresentação de compacto de 'Malhação: Viva a Diferença'.

Além disso a Globo também aumentou o jornalismo na TV aberta e substituiu os jogos da Copa do Brasil e da Libertadores, que foram canceladas pela CBF e pela Conmebol, pela exibição de filmes.

Scroll To Top