NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Seguranças que agrediram torcedores no metrô são demitidos

Agressões aconteceram dentro de um vagão, após partida no Maracanã

Agressões foram filmadas por outros passageiros

Reprodução de vídeo

O MetrôRio demitiu dois seguranças envolvidos nas agressões a torcedores do Fluminense dentro de um vagão. O episódio aconteceu na noite desta quarta-feira (29), após a partida entre o Tricolor carioca e o Corinthians, pela Copa Sul-Americana, no Maracanã.

Imagens divulgadas nas redes sociais mostram os seguranças entrando no vagão que fazia o trajeto Botafogo x Pavuna, pela Linha 2, e agredindo os passageiros com cassetetes. No vídeo, no entanto, não é possível saber o que gerou a confusão.

De acordo com MetrôRio, dois funcionários envolvidos no caso já foram desligados da empresa. No entanto, as apurações continuam, através da análise das imagens, para que as medidas cabíveis possam ser tomadas.

Em nota, o MetrôRio ainda disse que repudia o ato e que o comportamento dos agentes é incompatível com seus valores e princípios. A empresa também afirmou que vai prestar todo tipo de auxílio aos passageiros atingidos e à polícia durante as investigações.

Scroll To Top