20
Ter, Out

Nenê decide, Fluminense bate o Figueirense e avança

Os tricolores reverteram a vantagem dos catarinenses, que tinham vencido pelo placar mínimo o confronto de ida - Foto: Lucas Merçon / FFC

Futebol
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

O Fluminense venceu por 3 a 0 o Figueirense, nesta terça-feira, e se classificou para a Quarta Fase da Copa do Brasil. Os tricolores reverteram a vantagem dos catarinenses, que tinham vencido pelo placar mínimo o confronto de ida.

O destaque da partida foi o meia Nenê, que marcou os três gols do Fluminense. O experiente jogador chegou a 14 gols na temporada.

O Fluminense volta a campo neste sábado, quando terá o clássico contra o Vasco, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro. No mesmo dia, o Figueirense vai até São Luís para enfrentar o Sampaio Corrêa, pela Série B.

O jogo - Desde os primeiros minutos, o Fluminense foi para cima do Figueirense. No entanto, os donos da casa tinham dificuldade em passar pela marcação catarinense. Só que aos 14 minutos, os cariocas abriram o placar no Maracanã. Em bela cobrança de falta, Nenê mandou no ângulo, sem chance para Sidão.

Depois do gol, o Figueirense se fechou mais e impediu que o Fluminense crescesse na partida. Com isso, o confronto caiu de rendimento e ficou concentrado na intermediária catarinense.

Somente na parte final, o jogo voltou a ter emoção. Primeiro, Michel Araújo fez boa jogada individual e chutou com perigo. O Figueirense respondeu em seguida, em chute de longe de Sanchez. Os tricolores ainda desperdiçaram mais duas boas chances de marcar, mas teve que se contentar em ir para o intervalo com a vantagem mínima no placar.

No segundo tempo, o Figueirense voltou com uma postura mais ofensiva e quase empatou aos quatro minutos. Marquinho foi lançado na área e chutou para grande defesa de Muriel. Só a resposta do Fluminense veio em grande estilo, aos nove. Nenê recebeu passe na entrada da área e chutou para o gol. A bola desviou na zaga e tirou a chance de Sidão fazer a defesa.

O revés foi sentido pelo Figueirense, que viu o Fluminense crescer na partida. Calegari arriscou de longe e obrigou Sidão a fazer boa defesa. Os donos da casa sacramentaram a classificação aos 35 minutos. Yago foi derrubado na área por Sanchez e o árbitro marcou pênalti. Nenê cobrou com categoria para marcar seu terceiro no jogo.

O Figueirense ainda assustou aos 37 minutos. Diego Gonçalves cobrou falta na área e acabou acertando o travessão. Só que o Fluminense não se abalou e passou a administrar o resultado até o apito final no Maracanã.

Inscreva-se através do nosso serviço de assinatura de e-mail gratuito para receber notificações quando novas informações estiverem disponíveis.