20
Ter, Out

Governo britânico pede redução nos salários dos jogadores durante pandemia

Em vários países europeus, alguns grandes clubes anunciaram uma redução na remuneração de treinadores e jogadores - Foto: Reprodução/Instagram

Futebol
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Jogadores do lucrativo futebol da Premier League poderão ter que contribuir para o esforço nacional contra a pandemia de coronavírus, reduzindo os salários em um período em que o confinamento quase paralisou a economia, disse um ministro de Boris Johnson nesta quinta-feira.

“Todos devem contribuir e isso significa que os jogadores da Premier League também”, disse o ministro da Saúde, Matt Hancock, em entrevista coletiva. Eles podem “baixar seus salários e participar”, acrescentou.

Em vários países europeus, alguns grandes clubes anunciaram uma redução na remuneração de treinadores e jogadores para tentar limitar os efeitos econômicos brutais da paralisação nas competições impostas pelo confinamento contra o coronavírus.

Na Itália, a Juventus adotou essa medida e suas ações se recuperaram rapidamente na Bolsa. Na Alemanha, clubes como Bayern de Munique e Borussia Dormund e na Espanha, o Atlético de Madrid, anunciaram na quinta-feira um corte de 70% nos salários depois que o Barcelona o fez há alguns dias.

Inscreva-se através do nosso serviço de assinatura de e-mail gratuito para receber notificações quando novas informações estiverem disponíveis.