NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Morre vítima de tiroteiro em Niterói

Vendedor foi atingido por uma bala perdida quando saia do trabalho

Tiroteio provocou correria no entorno do shopping. Após o confronto, curiosos se aglomeraram no local

Divulgação/ Redes Sociais

Morreu na manhã deste sábado (31) o vendedor atingido por uma bala perdida na noite de sexta-feira (30) durante tiroteio no entorno do Plaza Shopping, no Centro de Niterói. Thiago da Conceição Marins, de 31 anos, que estava internado no Hospital Estadual Azevedo Lima (Heal), no Fonseca, foi baleado quando saia do trabalho.

Ao todo, quatro pessoas foram baleadas durante o tiroteio: dois pedestres e dois criminosos, sendo que um deles veio a óbito no local. De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, Thiago chegou a passar por uma cirurgia, mas não resistiu. Já uma idosa, de 63 anos, que foi atingida na perna, recebeu atendimento e foi liberada. Um dos suspeitos, que também foi baleado, recebeu atendimento e depois foi encaminhado para a Delegacia de Homicídios de Niterói, onde está preso.  

Correria – O confronto assustou pedestres e frequentadores do centro comercial na noite desta sexta-feira (30), por volta das 21h. Segundo o 12º BPM (Niterói), criminosos tentavam roubar um motocicleta na Rua General Andrade Neves, que fica atrás do shopping, para tentar fugir. 

De acordo com o comandante do 12º BPM, coronel Sylvio Guerra, os criminosos saíram em fuga do Morro do Estado e tentaram roubar uma moto na Andrade Neves. Agentes do Niterói Presente passavam na hora. Ao dar ordem de prisão, os assaltantes resistiram, dando início ao confronto.

A polícia apreendeu uma pistola, um rádio transmissor, uma granada e uma touca.

Scroll To Top