Caminhão tomba e motorista morre na descida da Caixa D'Água

Cidades
Tpografia
  • Mínimo Pequeno Médio Grande Gigante
  • Fonte Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

As duas pistas do sentido Niterói da RJ-104 ficaram interditadas por cerca de uma hora para a retirada do veículo

Marcelo Feitosa

Um homem morreu na madrugada desta quinta-feira (30) após perder o controle de um caminhão e tombar com o veículo, carregado de guaraná natural, no final da Alameda São Boaventura, no trecho conhecido como Descida da Caixa D’Água da Rodovia Amaral Peixoto (RJ-104), na pista sentido Centro de Niterói. Após cerca de uma hora com as duas pistas fechadas, o caminhão foi retirado, a pista foi limpa e o trânsito, liberado no local.

O motorista que não teve o nome e a idade revelados, segundo testemunhas, já vinha perdendo o controle do veículo desde a altura do Caramujo, chegado em uma grande curva onde capotou.

Após o acidente que aconteceu por volta das 2h, moradores saquearam a mercadoria que se espalhou pela pista. O dono da empresa, que não foi identificado, passou mal ao chegar no local e precisou ser levado ao hospital. Bombeiros foram chamados para prestar socorro ao motorista, que não resistiu aos ferimentos e morreu no local. 

“Ele já veio saindo da pista desde lá de baixo. Quando chegou na curva, ele foi direto. Muita sorte ele não ter caído na ribanceira. A gente não sabe se ele morreu porque sentiu algo antes, ou se morreu no acidente”, disse o aposentado Carlos Divino, de 64 anos.

Enquanto os policiais militares e os agentes da Niterói Transporte e Trânsito (NitTrans) não chegavam ao local, algumas pessoas aproveitaram para levar o que restou de mercadoria.  

“Isso que estão fazendo é errado. Quem pegou só pensou em si, porque quer revender. Mas e o dono da empresa? Ele ficou no prejuízo. Com o que restou de mercadoria, ele podia recuperar um pouco do dinheiro. Teve gente aqui saindo com umas 150 caixas fechadas. Isso não era nem metade da quantidade que tinha no caminhão”, explicou o eletricista Jonathan Lucca Silva, de 39 anos.

Quem seguia em direção à Alameda São Boaventura ficou parado ao encontrar as duas pistas bloqueadas, por volta das 7h40, para a retirada do caminhão. Com o trânsito completamente parado até a altura do bairro Tribobó, em São Gonçalo, muitas pessoas desceram dos ônibus e seguiram o trajeto caminhando.

“Tem que descer e ir andando, senão chego atrasada no trabalho. Já liguei para o meu patrão e avisei o que aconteceu”, disse a recepcionista Samara Veloso, de 27 anos.

Agentes da Niterói Transportes e Trânsito (NitTrans) permaneceram no local até às 10h para auxiliar os motoristas que trafegavam na via, até o fluxo voltar à normalidade. 

O corpo do motorista foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Tribobó.