NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Eleitores buscam novas propostas

Mobilidade e deslocamento são importantes ou muito importantes para 92%, aponta pesquisa do Datafolha

Foto: Divulgação

Os temas áreas verdes, energias renováveis, gestão de resíduos sólidos e mobilidade urbana podem fazer o eleitor mudar de voto nas eleições municipais de 2016, mostra o projeto apartidário Cidade dos Sonhos em pesquisa encomendada ao Datafolha.Esses quatro assuntos foram considerados importantes ou muito importantes por mais de 90% dos entrevistados, chegando a 96%, de acordo com o tema. O percentual dos que certamente mudariam de voto, caso o projeto de governo nessas questões não coincida com os seus ideais, é também significativo, variando entre 43% e 45%, dependendo do assunto.

A mensagem dos eleitores é clara, de acordo com Gabriela Vuolo, representante do projeto Cidade dos Sonhos, e os candidatos precisam ir além de assuntos tradicionalmente tratados em programas e propagandas políticas. “Estamos acostumados a ver candidatos falando sempre dos mesmos assuntos e essa pesquisa traz uma informação muito relevante que é: não basta falar sobre os temas a que estamos acostumados, não basta falar só sobre educação, saúde e moradia, vai precisar falar sobre mais coisas”, disse Gabriela.

Ela explicou que esses aspectos são diretamente ligados à qualidade de vida das pessoas nas cidades e já são vistos como fatores de decisão do voto. “Fatias acima de 40%, como encontramos, podem fazer a diferença tanto na escolha dos candidatos que vão para o segundo turno, quanto no momento da decisão”, disse. “Lançamos, em junho, o projeto chamado Cidade do Sonhos, que permite às pessoas construir, por meio de uma plataforma online e também de algumas ações de rua, as cidades com as quais elas sonham a partir de alguns temas principais. Estamos trabalhando com quatro grandes temas, que são resíduos sólidos, áreas verdes, mobilidade urbana e energia”, contou Gabriela.

Dos temas apresentados na plataforma online, resíduos sólidos são considerados importantes ou muito importantes por 96% dos entrevistados. Áreas verdes são importantes ou muito importantes para 94%. Mobilidade e deslocamento são importantes ou muito importantes para 92% da amostra e as energias limpas para 90%.

A disposição para mudar o voto frente a propostas diferentes é de 45%, no caso de resíduos sólidos e de áreas verdes, de 44% em questões de mobilidade e deslocamento e de 43% para a área de energias limpas. Gabriela destaca que a pesquisa mostra que o eleitorado brasileiro é sensível e favorável a propostas inovadoras e que têm o potencial de revolucionar as cidades, o que poderia gerar empregos e economia de recursos públicos, melhora da qualidade do ar, mitigação das mudanças climáticas e o aumento da qualidade de vida.

Sobre as energias renováveis, as propostas de instalar energia solar nas escolas públicas e reverter os recursos economizados na conta de luz para a educação, melhorar a eficiência da iluminação pública e reduzir o Importo Predial Territorial Urbano (IPTU) para construções que tenham placas solares aumentariam em 76% as chances de um eleitor escolher um candidato, por exemplo, concluiu o projeto Cidade dos Sonhos.

A pesquisa Datafolha ouviu 2091 pessoas com mais de 16 anos, entre os dias 28 de junho e 2 de julho deste ano. Dessas, 36% têm ensino fundamental, 46% médio e 18% superior. Um quarto da amostra é de pessoas das classes A/B, 48% da classe C e 27% da D/E. A amostra abrangeu 132 municípios das cinco regiões do país, sendo 41% em regiões metropolitanas e 59% em cidades do interior. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Evento reunirá candidatos ao Legislativo - No próximo sábado (27), às 15h30, a população de Niterói – especialmente os ciclistas – tem uma grande oportunidade de conhecer as propostas que os candidatos ao Poder Legislativo da cidade têm a oferecer. Trata-se do evento “Bicicleta nas Eleições/Niterói 2016’’, que ocorre no Museu do Ingá e é realizado pelo grupo ‘’Pedal Sonoro’’, que busca apresentar aos candidatos à vereador e vereadoras do município propostas para a promoção da ciclomobilidade em Niterói.

Com entrada gratuita, a programação prevista é composta por uma exposição com quatro apresentações: “Bicicleta nas eleições’’, ‘‘Aspectos da legislação (CTB e PNMU)’’, ‘‘Pesquisas e dados sobre mobilidade em Niterói’’ e ‘‘A relação da bicicleta com o comércio’’. Após a exposição, haverá espaço para perguntas e considerações de ambas as partes – candidatos e sociedade – para, em seguida, o evento dar início ao debate aberto.

Ao final do encontro, candidatos e candidatas poderão assinar um documento assumindo o compromisso legislativo com a mobilidade ativa. O Museu do Ingá se localiza na Rua Presidente Pedreira, 87, no Ingá. O local não possui estacionamento e há poucas vagas em suas proximidades, portanto, é aconselhável que os interessados entrem no espírito da solenidade e utilizem o transporte público ou qualquer outro meio alternativo para chegar ao evento.


Scroll To Top