NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Niterói inaugura o primeiro centro de referência em economia solidária do Estado

 

Fotos: Bruno Eduardo Alves

A Prefeitura de Niterói inaugurou nesta quinta-feira (25), a Casa da Economia Solidária Paul Singer, o primeiro centro público municipal de referência em economia solidária em funcionamento no Estado do Rio. O Secretário Municipal de Planejamento, Orçamento e Modernização da Gestão, Axel Grael, representou o prefeito Rodrigo Neves na solenidade, juntamente com a Secretária Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (SASDH), Flávia Mariano.

“Esta casa é muito importante para a cidade de Niterói e para a economia solidária, uma outra forma de produzir e uma oportunidade para quem está fora do mercado. O que nós temos aqui é uma experiência que precisa ser multiplicada e levada para outros lugares”, disse Axel Grael.

A Casa da Economia Solidária Paul Singer, conhecida como “Casa Azul”, está instalada na Avenida Amaral Peixoto, 901, no Centro de Niterói. O espaço realiza cadastramento, capacitação, organização e inserção dos produtores locais em diversas frentes econômicas. O espaço tem gestão compartilhada entre a SASDH e o Fórum Municipal de Economia Solidária de Niterói, com recursos de convênio firmado com o extinto Ministério do Trabalho/Secretaria Nacional de Economia Solidária.

“Para que essa casa pudesse existir desta forma, foram muitas discussões, desde a primeira feira do artesão. Ela representa, na prática, a importância dada a uma política pública voltada para as ações de economia solidária no município”, disse a secretária Flávia Mariano.

Para participar das atividades da Casa Azul, o produtor deve se cadastrar para, após triagem, receber atendimento técnico e orientações de empreendedorismo; inserção nos espaços permanentes de mostra de produtos, ter acesso a reuniões, formações, oficinas e rodas de conversa, assim como a um calendário de formações sob demanda e outras atividades.

Entre os profissionais atendidos pela Casa da Economia Solidária Paul Singer estão produtores e comerciantes de orgânicos, pescadores artesanais, marisqueiros, maricultores, catadores de material reciclável, cooperativas de reciclagens, artesanato, moda, decoração, arte, gastronomia, bebidas artesanais, cultura, literatura, agricultura familiar, serviços diversos, entre outros.

Quem tiver interesse no cadastramento deve se dirigir à Casa Paul Singer, que funciona de segunda a sexta-feira, das 10h às 17h. Mais informações pelo telefone 2717-8350 ou através do e-mail [email protected] O local também funciona como ponto de entrega voluntária de eletrônicos e resíduos de óleo de cozinha.


Scroll To Top