Motoristas enfrentam lentidão na saída do feriadão

Cidades
Tpografia
  • Mínimo Pequeno Médio Grande Gigante
  • Fonte Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

Ponte tem retenção na chegada à Praça do Pedágio

Evelen Gouvêa

Quem decidiu aproveitar o feriadão da Independência na Região dos Lagos, mas deixou para viajar nesta quinta-feira (7), precisou ter um pouco de paciência com o trânsito. Por volta do meio-dia, a BR-101 apresentava um congestionamento de 26 quilômetros, que se iniciava da Ilha das Flores, em São Gonçalo, até a altura do trevo de Manilha, em Itaboraí. No restante da rodovia, o tráfego seguia normal.

O trânsito intenso foi se atenuando ao longo da tarde. Por volta de 14h, o congestionamento já havia diminuído para 20 quilômetros, se encerrando no shopping São Gonçalo, no bairro Boa Vista. 

Por sua vez, a Ponte Rio-Niterói, apresentou alguns pontos de retenção somente pela manhã. Entre 7h e 9h, os motoristas que saíam da capital demoravam entre 20 e 30 minutos para fazer a travessia em direção a Niterói, cujo padrão é de 13 minutos.

Segurança – As polícias Rodoviária Federal e Militar também montaram esquemas de segurança para as rodovias que cortam o municípios. Durante todo o feriado prolongado, a PRF atua em um esquema especial com 2.083 viaturas, 697 motocicletas, 2.810 aparelhos de etilômetro e 209 radares portáteis por todo o Brasil.

A operação teve início a meia-noite de quarta-feira e se estende até às 23h59 de domingo. Responsável pelo patrulhamento na RJ-104 e RJ-106, o Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) informou que irá atuar com 780 policiais militares e 61 viaturas, nos pontos considerados mais críticos.

Tempo – Enfrentar o trânsito para aproveitar os dias de descanso na Região dos Lagos vai valer a pena. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), os dois próximos dias serão de sol e não há previsão de chuva, com a temperatura variando entre 27 graus, pela manhã, e 14 graus, à noite.