Clássico de Shakespeare no Sesi

Entretenimento
Tpografia
  • Mínimo Pequeno Médio Grande Gigante
  • Fonte Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

Obra narra a odisseia do príncipe da Dinamarca que vê a mãe se casar com seu tio após a morte de seu pai

Divulgação

Nesta quinta-feira (30), às 19h30, o teatro Sesi recebe o espetáculo “Hamlet”, da Armazém Companhia de Teatro. A peça, que teve indicações em seis categorias no prêmio Cesgranrio 2017 e em quatro categorias no 17º Prêmio Cenym 2017, reestreou no dia 9 de novembro e vai até o dia 9 de dezembro.

A obra de William Shakespeare se baseia na vida de Hamlet, um príncipe dinamarquês que viu o seu pai morrer após uma repentina doença estranha e, logo após um mês, a mãe dele, Gertrudes, se casou com o tio, irmão do falecido pai, Claudius, na frente de toda a corte. Depois de algum tempo, Hamlet começa a ter visões de seu pai, em que ele diz que o seu irmão que o envenenou e exige que ele se vingue e mate o novo rei (tio e padrasto de Hamlet). Armando uma estratégia para esse plano, Hamlet se finge de louco e acaba perdendo o controle sobre a sua própria realidade, ou seja, a loucura já não se torna apenas fingimento.

A Armazém Companhia de Teatro é bastante acostumada a apresentar espetáculos de criação própria, tanto que em outubro apresentou “A Marca da Água”, no Wuhzen International Theatre Festival 2017, na China, mas agora está voltando para outro tipo de processo artístico, onde o que mais interessa é como os atores se portam diante de uma história que já é contada há anos. O interesse em recriar a obra de Shakespeare é encontrar um Hamlet do tempo atual.

No espetáculo, sete atores e atrizes dão vida aos personagens de Shakespeare: Patrícia Selonk (Hamlet), Ricardo Martins (Claudius), Marcos Martins (Polonius), Lisa Eiras (Ofélia), Jopa Moraes (Laertes), Isabel Pacheco (Gertrudes) e Luiz Felipe Leprevost (Horácio).