O bom atendimento e a valorização do cliente

Economia
Tpografia
  • Mínimo Pequeno Médio Grande Gigante
  • Fonte Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

Nestes últimos dias em um passeio com a minha família, pude observar em alguns estabelecimentos e empresas a distinção exorbitante entre o respeito e a atenção que é prestada ao cliente durante o atendimento.  Nesta recente experiência, que ocorreu fora do Brasil, pude vivenciar os dois lados da moeda, ou seja, o bom e o ruim no que se refere o atendimento prestado ao cliente. Isso me levou a refletir sobre a importância do bom atendimento para a construção de um relacionamento positivo com o cliente.

Afinal, o bom atendimento é uma obrigação. E todos nós, empresários, lojistas ou de serviço, temos o dever de prestar um bom atendimento para os nossos clientes. Até porque, na qualidade de clientes, um bom atendimento é o mínimo que a gente espera. Não é verdade? Quando vamos ao mercado, restaurante, cinema, a uma assistência técnica, ou mesmo, a uma oficina. Sempre queremos, além de uma prestação de serviço de excelência, é sentirmo-nos bem recebido.

Mas a realidade, na maioria dos casos, é bem diferente. No entanto, o respeito e valorização ao cliente são revelados quando esses sentimentos são superados. E aí, fica a questão! Se o empresário se propõe a dar um bom atendimento, ele pode satisfazer plenamente a expectativa do seu cliente? 

Posso afirmar, sem sombra de dúvidas, que não! Só conseguirei satisfazer e superar quando demonstrar respeito, carinho e, acima de tudo, quando me colocar no lugar do meu cliente. No próximo artigo, falaremos para vocês, caros leitores, sobre o respeito e a importância de se colocar no lugar do cliente. Afinal, bom atendimento não é suficiente, principalmente, neste momento tão conturbado que estamos atravessando em nossa economia.

Particularmente, acredito que só vão subsistir os empresários que conduzirem seus negócios sobre as premissas do respeito e da valorização em relação aos seus clientes. Até porque, uma boa indicação repercute nos canais e nos ciclos de relacionamento.