NITERÓI/RJ
Min:   Max:

De volta, preparadores de Barroca exaltam força coletiva

A era Eduardo Barroca começou no Botafogo e com ele chegaram dois profissionais que também passaram recentemente pelo Alvinegro. O primeiro é Alfredo Montesso, experiente auxiliar técnico de 52 anos que esteve no Alvinegro em 2015, com René Simões, quando o clube deu início ao processo de volta à elite. O Preparador Físico Anderson Gomes, que estava com Barroca no Corinthians e também trabalhou com o profissional quando esteve no Sub-20 do Botafogo, novamente veste a estrela solitária.

Motivado pela oportunidade de voltar a trabalhar no Botafogo, o Auxiliar Afredo Montesso falou sobre o ambiente encontrado no Alvinegro e destacou a evolução na estrutura do clube, cenário diferente do encontrado no fim de 2014, quando chegou para auxiliar o então treinador René Simões. Agora, com Barroca, Montesso vê facilidade maior na comunicação entre os departamentos e o treinador e elogiou a forma de trabalho do novo comandante.

“Primeiro é uma satisfação voltar ao Botafogo. Deixei tantos amigos aqui e volto numa outra circunstância. Agora com o Barroca, um treinador muito promissor, inteligente e de uma intensidade de trabalho muito grande. Tudo isso me estimula muito a voltar e estar concentrado e focado em trabalhar nesse momento do clube. Óbvio que hoje estou encontrando um Botafogo diferente, bem mais organizado do que encontramos em 2015, com toda aquela estrutura se formando. Vejo o Botafogo muito mais equipado e acho que o suporte que temos hoje é muito diferente do que tivemos naquele momento. Isso é extremamente importante e temos que valorizar muito esse trabalho que foi feito”, disse Montesso, que também destacou a responsabilidade de auxiliar a levar a equipe novamente ao caminho das vitórias.

“É um desafio extremamente difícil no momento em que o clube precisa de resultados imediatos e isso demandam  reformulação”, contou.  

Scroll To Top