NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Fluminense empata com a Chape na Arena

Ganso foi o autor do gol tricolor na partida contra a Chapecoense. Meia teve boa atuação e comandou as ações

Lucas Merçon/Fluminense

No encerramento da nona rodada do Campeonato Brasileiro, a última antes da parada para a Copa América, Chapecoense e Fluminense empataram por 1 a 1, nesta quinta-feira, na Arena Condá. Com o resultado, os catarinenses chegaram a oito pontos e entraram na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Os cariocas, com a mesma pontuação, estão uma posição acima, fora da degola pelos critérios de desempate.

A Chapecoense abriu o placar logo no início da partida com Everaldo. O Fluminense só conseguiu chegar ao empate no segundo tempo, com Ganso, de pênalti, com auxílio do VAR. Na próxima rodada, somente depois da Copa América, a Chapecoense recebe o Atlético-MG, na Arena Condá. Já o Fluminense enfrenta o Ceará, no Rio de Janeiro, ainda sem local definido.

A Chapecoense começou melhor a partida e abriu o placar logo aos dois minutos. Everaldo aproveitou cruzamento na área e cabeceou cruzado para a rede.

Mesmo após o gol, a Chapecoense seguiu com a postura ofensiva. O Fluminense tinha mais posse de bola, mas esbarrava na marcação catarinense. Nos contra-ataques, os donos da cas aquase ampliaram aos nove minutos. Everaldo foi lançado na área e tocou na saída de Agenor, só que o goleiro estava atento e fez a defesa.

Enquanto os cariocas continuavam tendo problemas no setor ofensivo, a Chapecoense era perigosa quando chegava próximo ao gol. Tanto que aos 17 minutos, após cobrança de falta na área, Douglas cabeceou perto da trave. O Fluminense só conseguiu criar sua primeira boa chance aos 21 minutos. João Pedro recebeu passe na área e chutou para boa defesa de Tiepo.

Depois do susto, a Chapecoense melhorou a marcação e equilibrou a partida. O Fluminense seguiu tendo mais toque de bola e chegou a colocar a bola na rede aos 37 minutos. João Pedro foi lançado e mandou para o gol, mas o lance foi anulado porque o atacante estava impedido.

No segundo tempo, os cariocas voltaram com a mesma postura e buscaram o gol desde os primeiros minutos. De tanto insistir, o Fluminense empatou aos 13 minutos, com a ajuda do VAR. A bola bateu na mão de Douglas na área e o árbitro Ricardo Marques Ribeiro assinalou a penalidade com o auxílio do vídeo. Ganso cobrou com categoria, sem chance para Tiepo.

Depois do empate, os visitantes seguiram melhores em campo. No entanto, quem assustou foi a Chapecoense, aos 24 minutos. Após bate e rebate da área, a bola ficou com Everaldo, que chutou pela linha de fundo.

Nos minutos finais, a Chapecoense aumentou a pressão e teve nova chance aos 42 minutos. Após cobrança de falta na área, Everaldo tentou duas vezes, mas parou em Agenor. Para aumentar a dramaticidade da partida, o Fluminense ficou com um jogador a menos quando Allan foi expulso após receber o segundo cartão amarelo. 


Scroll To Top