NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Igor Julião celebra marca com a camisa do Fluminense

Ele se destaca não só pelo futebol, mas também, pelo posicionamento em assuntos relevantes fora do cenário esportivo. O lateral Igor Julião, de 24 anos, demonstra interesse em diversas áreas além das quatro linhas, como cultura e política e, no Fluminense, o atleta vem ganhando espaço no time titular do técnico Fernando Diniz. Na última partida, diante do Peñarol pela Copa Sul-Americana, Julião completou 50 jogos com a camisa Tricolor e falou sobre o número expressivo.

“Primeiro ano que vou estar do Campeonato Carioca ao fim do Brasileiro. Primeiro ano que posso fechar um ciclo completo no time profissional. Passei duas temporadas nos Estados Unidos, joguei na Eslováquia, foram muitos aprendizados e tenho muita gratidão por estar no clube há 16 anos. Passei por muitas coisas aqui e completar essa marca é motivo de alegria para mim, espero que venham mais 50 jogos”, destacou o lateral, comentando seu desempenho pelo Flu.

“Muito feliz. Até mais importante do que as minhas boas atuações, foram as vitórias. Dá um gás para o time, volta a confiança. Venho trabalhando há bastante tempo para isso, esperando a oportunidade e tenho cumprido ela bem graças ao trabalho diário”, disse. Julião também explicou a disputa saudável com Gilberto pela posição na equipe titular.

“Tenho respeito e uma admiração imensa pelo Gilberto, para mim, é um dos melhores laterais do Brasil. Ninguém tem posição garantida, não sou o titular absoluto e é um privilégio poder disputar e dividir essa lateral com ele”, enalteceu o jogador, ressaltando a necessidade de repetir a boa campanha da Copa Sul-Americana no Brasileiro.  

Scroll To Top