NITERÓI/RJ
Min:   Max:

José Aldo visita Maricá, que poderá receber CT de lutas

Lutador foi recebido pelo prefeito Fabiano Horta. A reunião teve ainda o intuito de tratar da implantação do Instituto José Aldo

Elsson Campos/Prefeitura de Maricá

O prefeito Fabiano Horta recebeu em seu gabinete nesta terça-feirao bicampeão do UFC e lutador de MMA (Artes Marciais Mistas), José Aldo da Silva Oliveira Júnior. O objetivo da visita foi mostrar as dependências esportivas que a cidade oferece, como o Complexo Esportivo Leonel de Moura Brizola (Arena Flamengo), no Flamengo, e o Projeto Navegar, que acontece na nova orla Zé Garoto (Lagoa do Boqueirão).

A reunião teve ainda o intuito de iniciar tratativas para implantação do Instituto José Aldo em Maricá, projeto desenvolvido pelo atleta no Flamengo e na comunidade da Maré, ambos no Rio de Janeiro. Lá são oferecidas oficinas de artes marciais como jiu-jitsu, capoeira e wrestling (arte marcial que utiliza técnicas de agarramento como arremessos, derrubadas, chaves, pinos ente outros golpes).

“Estamos abrindo uma conversa para que possamos fazer uma parceria futura a fim de trazer essas modalidades esportivas para Maricá. Queremos buscar a construção desse processo e quem sabe receber um evento de Kickboxing que ele [José Aldo] promove anualmente”, disse o prefeito Fabiano Horta.

“É fomentar para além dessa dimensão da luta, a formação cidadã. Essa cultura esportiva da luta também carrega consigo a construção de valores, do respeito ao outro, da cidadania e o Aldo tem muito isso como uma missão”, concluiu.

Pela primeira vez em Maricá, o lutador de MMA ficou admirado com a estrutura esportiva da cidade e acredita que o município tem total condições de receber o projeto social.

“Já ouvi falar bastante da cidade, pois a Prefeitura já faz um bom trabalho aqui. Acho que o projeto vai agregar bastante para a criançada e para os jovens daqui do município”, declarou José Aldo.

Acompanhando o bicampeão do UFC, o secretário de Esporte e Lazer Felipe Bittencourt destacou que o trabalho social que é feito pelo lutador é semelhante ao realizado pela Prefeitura.

“Além de um grande atleta, ele é uma pessoa preocupada com as causas sociais como nós somos. Então, ter um atleta como esse conhecendo nossos projetos não tem preço. Tenho certeza que ele irá somar muito conosco”, frisou.

 
Scroll To Top