Massa crê que circuito da Áustria pode favorecer Williams

Esportes
Tpografia
  • Mínimo Pequeno Médio Grande Gigante
  • Fonte Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

O brasileiro Felipe Massa ocupa atualmente a nona posição do Mundial de F-1

Foto: Divulgação

Felipe Massa terminou o Grande Prêmio da Europa, em Baku, no Azerbaijão, apenas em décimo lugar, mesmo assim o brasileiro está confiante para o GP da Áustria, neste domingo. Segundo o piloto da Williams, o traçado favorece o carro da equipe, contendo retas longas que possibilitam apesar de não ser um circuito muito grande.

“Áustria é um circuito muito pequeno, mas é muito bonito conduzir nesta pista. Nos dois anos anteriores fiz corridas muito boas. Ano passado subi ao pódio com o terceiro lugar e no anterior fizemos a pole e o segundo lugar no grid de largada. Neste mesmo ano Valtteri (Bottas) subiu ao pódio e eu fui quarto, o que demonstra que essa pista é boa para o carro e que o normal é que sejamos competitivos. Tomara que tenhamos um desempenho parecido neste ano”, comentou.

“Há retas longas e boas para a potência do nosso motor, mas é um circuito misto porque tem algumas curvas muito rápidas. Além disso, estou em um lugar que me encanta visitar. O hotel é um castelo, algo fora do normal”, completou Massa.

Com 38 pontos somados até aqui, o piloto brasileiro é apenas o nono colocado do campeonato mundial e vê a Red Bull desbancar a Williams como terceira força do grid na atual temporada. Tentando reverter esse quadro, Felipe Massa entra em ação no próximo domingo, às 9h (de Brasília), pelo Grande Prêmio da Áustria de Fórmula 1.