NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Pedro: presidente diz que só sai por multa

Na tarde desta sexta-feira, o presidente do Fluminense, Mário Bittencourt, esteve no CT do clube na Barra da Tijuca, onde concedeu entrevista coletiva. Entre as principais questões abordadas, o presidente falou sobre patrocínios, contratações e a proposta do Flamengo pelo atacante Pedro.

“Como todos sabem, a legislação determina que a proposta seja sempre feita de clube para clube, o Flamengo, que possui conosco uma relação de cordialidade, até por questões envolvendo o Maracanã, fez um movimento dentro do direito deles de nos enviar uma proposta pelo Pedro. O Flamengo enviou uma proposta e nós, de pronto, informamos que para qualquer rival nosso no futebol brasileiro, a única possibilidade do atleta sair seria pagando a multa integral, prevista em contrato, e desde que o atleta também queira se transferir. Isso funciona não só para o Brasil, como para o exterior”, disse o presidente Tricolor, que também explicou como está o caso do goleiro Rodolfo, pego no antidoping por uso de cocaína.

“Todos já sabem o que ocorreu, fiz questão de receber o jogador para dizer que todo o suporte psicológico e jurídico, o Fluminense dará a ele, até porque já tivemos outras situações. Sabemos que antes de qualquer coisa, isso é uma filosofia não só do Fluminense, como entendimento pessoal meu, qualquer situação relativa a isso, a gente tem que tratar primeiro o ser humano e depois, o profissional, o atleta. O que fizemos de imediato foi colocar nosso Departamento Jurídico à disposição dele. É importante que a gente respeite esse momento para que possamos ajudá-lo. 

Scroll To Top