NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Remadas havaianas em São Francisco

A equipe Samu foi um dos destaques do evento realizado neste sábado

Lucas Benevides

A quarta etapa do Campeonato Brasileiro de Canoagem Havaiana foi disputada ontem, na Praia de São Francisco, Zona Sul de Niterói. O evento, que começou às 7 horas da manhã e terminou no final da tarde, teve 90 competidores inscritos nas divisões Juniores, Cadetes, Masters além de Paratletas. Os atletas também foram divididos nas categorias, individual  e dupla. O supervisor de Canoagem da Confederação Brasileira Manoel Gil destacou o apoio da Secretaria de Esporte e Lazer e ainda informou que a prova faz parte do ranking brasileiro, onde os melhores e os mais bem colocados representarão o Brasil na disputa Sul-Americana, que será realizado no mês de novembro, no litoral Santista. 

Gil contou ainda que o percurso do evento tinha aproximadamente 15 quilômetros, onde os atletas chegaram a remar por quase 2 horas. “Eles largaram da Praia de São Francisco, contornaram a Baía de Guanabara passando pela ilha do Careca.  Ao final tinham que retornar para o ponto de largaram. Todos eles também tiveram que dar duas voltas no percurso, que fazia uma espécie de triângulo”, concluiu.

Rafael Leão, que disputa a canoa havaiana desde 2012, contou que sua equipe, Samu, consagrou-se campeã numa etapa realizada, este mês, em Nova York.

“Esta é a nossa primeira competição desde que voltamos dos Estados Unidos. No cenário nacional, nossa equipe é uma das líderes no Brasil. Estamos focados e nos preparando para a competição que será em outubro na Ilha de Molokai, no Havaí. Sabemos que o mar lá é diferente, as ondas são grandes e muito fortes, por isso estamos priorizando as competições fora do país. Estamos treinando duro para representar bem o Brasil na competição”, finalizou.


Scroll To Top