NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Tricolor teme desmanche por causa de situação financeira

O recesso do Campeonato Brasileiro, por conta da disputa da Copa América, deve ser benéfica para boa parte dos clubes, já que a maratona de jogos tem sido bem desgastante. Porém, no caso do Fluminense, existe o temor que o período seja marcado por um desmanche. A eleição presidencial de sábado, que culminou com a chegada de Mário Bittencourt, parece não ter sido o suficiente para fazer o plantel confiar que a situação financeira possa melhorar.

O Fluminense perdeu esse ano o zagueiro Ibañez, que se transferiu para a Atalanta da Itália, e o atacante Everaldo, que acertou com o Corinthians. O atacante Luciano, que pediu para não enfrentar a Chapecoense, no empate por 1 a 1 em Santa Catarina, para não completar sete jogos pelo Tricolor, deu claro sinais de que deseja defender outra camisa durante o Campeonato Brasileiro. Atlético-MG e Botafogo monitoram a situação do atleta.

Nos bastidores do Fluminense fala-se que outros jogadores estavam planejando deixar as Laranjeiras. Sem se aprofundar no tema, mas falando sobre Luciano, o técnico Fernando Diniz demonstrou preocupação com o momento. 

Scroll To Top