Viradouro, Cubango e Sossego seguem com fantasias à venda

O Flu na Folia
Tpografia
  • Mínimo Pequeno Médio Grande Gigante
  • Fonte Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

Falta um mês para o carnaval, mas quem quiser cair no samba na Marquês de Sapucaí ainda tem a oportunidade de garantir sua fantasia. A Unidos do Viradouro, Acadêmicos do Sossego e a Cubango ainda têm vagas abertas em suas alas comerciais. 

Para este ano, a oferta de vagas na Viradouro é de 280 fantasias, distribuídas em quatro alas comerciais. Entres elas estão a Ala dos Artistas – que já está esgotada –, a Ala Sol Nasceste/Amizade, Ala Reis da Folia e Ala Paixão Vermelha e Branca. O valor médio das composições varia entre R$ 500 e R$ 670. Mais informações podem ser encontradas no site da agremiação: www.unidosdoviradouro.com.br.

A Viradouro leva para a Passarela do Samba o enredo “Vira a cabeça pira o coração. Loucos gênios da criação”, desenvolvido pelo carnavalesco Edson Pereira. Neste carnaval, 1.700 componentes serão distribuídos em 22 alas. A escola será a terceira a desfilar no sábado de carnaval, dia 10 de fevereiro.

A Acadêmicos do Cubango ainda tem vagas disponíveis para o carnaval de 2018. Os interessados podem escolher entre a Ala Mosteiro de São Bento, Ala Roda da Fortuna e a Ala Reisado, que custam R$ 300. Para comprar as fantasias comercias, basta enviar um e-mail para o endereço [email protected] 

Além disso, as inscrições para alas e carros teatralizados estão abertas. As oportunidades são para compor a Ala 01 e a primeira e terceira alegoria da verde e branco de Niterói. Para isso, é preciso informar nome completo, telefones de contato e números de manequim e sapato através do e-mail [email protected]

Há, ainda, uma ala feminina na escola: As Taineiras. Elas representarão o grupo de manifestação folclórica de Japaratuba, de Sergipe, onde nasceu o homenageado do desfile, Arthur Bispo do Rosário. Mais informações podem ser obtidas nos ensaios da Cubango, aos domingos, na Avenida Ernani do Amaral Peixoto. 

Com o enredo “O rei que bordou o mundo”, desenvolvido pelos carnavalescos Leonardo Bora e Gabriel Haddad, a Cubango será a quinta escola a desfilar no sábado de carnaval. 

Comunidade – Já a Acadêmicos do Sossego, que se manteve na Série A, continua trabalhando sem alas comerciais, com as vagas voltadas para a comunidade. No entanto, a novidade é que moradores de outros locais também poderão participar do desfile, mediante uma taxa de inscrição de R$ 50 e presença nos ensaios. Quem quiser garantir seu lugar na azul e branco do Largo da Batalha tem que correr: restam apenas cerca de 50 vagas, nas alas Fogo e Sol & Mar. 

A Sossego desenvolverá o enredo “Ritualis” através de 1800 componentes, em 19 alas. A escola será a terceira a desfilar na sexta-feira de carnaval, dia 9 de fevereiro.