NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Estado confirma expansão da Operação Segurança Presente

O governo do Estado do Rio de Janeiro confirmou nesta terça-feira que a Operação Segurança Presente terá seu efetivo dobrado – passará de 1.000 para 2.000 agentes. O anúncio foi feito na segunda pelo governador Wilson Witzel durante coletiva de imprensa sobre as ações e resultados da política de segurança do Estado do Rio no primeiro semestre deste ano. 

Também foi anunciado que o Estado vai destinar R$ 50 milhões para as expansões que irão acontecer ainda este ano e que o valor da gratificação paga aos policiais militares que, na folga, trabalham na Segurança Presente, será igualado ao pago no Regime Adicional de Serviço (RAS) no próximo mês. Na Lei Orçamentária Anual (LOA) está prevista a aplicação de R$ 223 milhões no programa em 2020. 

Ao apresentar o coronel Miguel Francisco Ramos Junior para comandar a Operação Segurança Presente, o governador Wilson Witzel disse que a escolha vai facilitar ainda mais a integração com a Secretaria de Polícia Militar. O coronel Ramos está fazendo um levantamento de pessoal, financeiro e operacional do programa.

Calendário de expansões – Na coletiva, o secretário de Estado de Governo e Relações Institucionais, Cleiton Rodrigues, divulgou o calendário das expansões da Operação Segurança Presente para este ano. Serão inauguradas bases em Nova Iguaçu (16/8), Laranjeiras (6/9), Bangu (20/9), Botafogo (4/10), Austin, em Nova Iguaçu (18/10), Duque de Caxias (1/11), Barra da Tijuca (14/11), Miguel Couto, em Nova Iguaçu (6/12), Vila Isabel e Grajaú (20/12).

Integração – A Operação Segurança Presente é integrada por policiais militares, agentes civis (egressos das Forças Armadas) e assistentes sociais, e tem bases na Lapa, Centro, Aterro do Flamengo, Lagoa, Ipanema, Leblon, Tijuca, Méier, Copacabana e em Niterói.  No primeiro semestre deste ano, as equipes foram responsáveis por 1.157 prisões, cumprimento de 635 mandados de prisão (captura de foragidos da Justiça) e 16.623 atendimentos sociais. 

Scroll To Top