NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Motorista de aplicativos é sequestrado por bandidos em Itaboraí

Com os suspeitos foram apreendidas revólver, simulacro de pistola, drogas e caderno de anotações do tráfico de drogas

Foto: Divulgação / PM

Por Vítor d'Avila

Um motorista de aplicativos, que estava sendo feito refém por criminosos, foi resgatado por policiais militares, na noite da última quarta-feira (8), após perseguição no bairro Nova Cidade, em Itaboraí. Um dos suspeitos ainda tentou subornar os agentes para não ser preso. 

Por volta de 21h30, uma viatura com policiais do 35º BPM (Itaboraí), realizava patrulha na Estrada dos Picos quando estranharam a presença de um carro, modelo Volkswagen Voyage de cor cinza, que estava parado na via. Ao perceberem a chegada dos PMs, o veículo iniciou a fuga em alta velocidade.  

Durante a perseguição, o porta-malas do Voyage se abriu e os policiais notaram a presença de um homem no interior do compartimento. Os suspeitos começaram a atirar contra a viatura, que foi atingida no para-brisa – nenhum PM ficou ferido. Os agentes, ao revidarem os disparos, precisaram ter cautela para não atingir o refém.  

Quando passavam pela Rua 46, os policiais conseguiram acertar um dos pneus do carro onde estavam os suspeitos. Naquele momento, um deles, que tem 18 anos, desceu do veículo e continuou atirando contra os agentes. No entanto, o homem se entregou em seguida, se jogando no chão e largando a pistola utilizada para trocar tiros com os PMs. 

Em seguida, os outros dois ocupantes do veículo, que são menores de idade, ambos com 16 anos, também saíram do automóvel e se entregaram sem oferecer resistência. Os policiais retiraram, de dentro do porta-malas, a vítima, que era o proprietário do Voyage e estava trabalhando como motorista de aplicativos no momento do sequestro. 

No momento da prisão em flagrante, o suspeito que trocou tiros com a PM tentou subornar os policiais militares na tentativa de ser liberado. O homem se identificou como “gerente do pó” e ofereceu R$ 3 mil aos militares, que prontamente recusaram a oferta. 

De acordo com a PM, o motorista foi chamado para atender à uma solicitação de corrida na Rua 100, também em Itaboraí, e foi colocado no porta-malas de seu carro após os suspeitos anunciarem o assalto. 

Em posse do trio, que confessou fazer parte do tráfico de drogas na prórpia Rua 100, os policiais encontraram e apreenderam 186 pinos de cocaína, 30 trouxinhas de maconha, um caderno de anotações, dois aparelhos celulares e um rádio transmissor, que estavam em uma mochila. Também foram apreendidos uma pistola calibre 38 e um simulacro de pistola. 

O caso foi registrado pela 74ª DP (Alcântara). Os menores foram apreendidos e conduzidos à Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA). 

Scroll To Top