PRF flagra suspeitos com mais de R$ 850 mil na Dutra

Polícia
Tpografia
  • Mínimo Pequeno Médio Grande Gigante
  • Fonte Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

Os dois suspeitos foram abordados na altura do km 318, da Rodovia Presidente Dutra, na altura de Itatiaia

Foto: Divulgação

Uma equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF) flagrou dois homens transportando mais de R$ 850 mil durante uma abordagem a um carro, na altura do km 318, da Rodovia Presidente Dutra, em Itatiaia, no Estado do Rio de Janeiro. 

O motorista, de 42 anos, estava na companhia de um homem, de 26 anos, que se identificou como policial militar de São Paulo. Ao revistar o carro, um Corsa Sedan, os policiais rodoviários encontraram uma caixa de papelão no porta-malas, com vários pacotes de dinheiro com cédulas de R$ 100.

O homem, que se identificou como policial militar, disse que havia cerca de R$ 200 mil e explicou que o dinheiro era para resolver uma transação comercial no Porto de Itaguaí, na região metropolitana do Rio. Ele contou que fazia a escolta do dinheiro para um chinês.

“Ele disse ainda que o motorista seria seu tio, pois tinha acabado de sair do serviço, por isso estaria cansado para dirigir. Em uma verificação preliminar, os agentes da PRF constataram que havia mais de R$ 850 mil”, diz a nota da PRF.

Os dois e o dinheiro foram levados para a Delegacia Policial de Itatiaia. Um advogado foi até o local apresentando-se como representante de uma empresa importadora e de posse de uma nota fiscal no valor de R$ 855 mil.

Mesmo assim, o dinheiro foi apreendido para comprovação da origem. A Corregedoria da Polícia Militar de São Paulo foi informada sobre o caso. A ação da PRF ocorreu nessa quarta-feira (1º). 

Recuperado – Um carro roubado em Niterói há cerca de cinco meses foi recuperado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na rodovia Washington Luiz (BR-040), no acesso à Avenida Brasil, na Zona Norte do Rio. O veículo circulava com placas clonadas e documento falso. O flagrante aconteceu no início da tarde de quinta-feira (2).

Policiais rodoviários federais faziam uma blitz na saída para a Avenida Brasil, quando abordaram um Jeep com placas de Paraty. Entretanto, durante a fiscalização, os agentes verificaram que o documento apresentado pelo motorista era falso. Além disso, as placas eram clonadas de um modelo idêntico. Em seguida, constataram que o carro era roubado. O crime teria ocorrido em Niterói, em junho deste ano.

Ao ser questionado sobre o automóvel, o suspeito disse ter trocado por outro carro num aplicativo de venda de veículos. A ocorrência foi encaminhada à Polícia Federal na Praça Mauá, no Centro do Rio. O homem foi indiciado por uso de documento falso e receptação.