NITERÓI/RJ
Min:   Max:
Educação e Novas Tecnologias

Suzana Fernandes é graduada em pedagogia pela Uerj e em música pela UFRJ. Especializada em educação à distância e em planejamento, implementação e avaliação pela PUC-MG. Professora de música e de ensino religioso da rede municipal do Rio de Janeiro e palestrante internacional sobre o tema e-learning. E-mails para esta coluna: [email protected]

O que fazer quando falta apenas uma semana para o Enem?

enem terá 180 questões, entre objetivas e de múltipla escolha

Valter Campanato/Agência Brasil

Nos dias 3 e 10 de novembro mais de 5 milhões vão fazer o maior vestibular do país. As provas do Enem 2019 serão formadas por 180 questões objetivas de múltipla escolha mais redação. Cada pergunta contém cinco alternativas de resposta e são representadas pelas letras A,B,C,D e E.

No primeiro dia de provas do Enem 2019, os participantes deverão responder 45 questões de Ciências Humanas, 45 questões de Linguagens e Códigos, além da confecção da Redação. No segundo dia, deverão responder mais 45 questionamentos de Matemática e outros 45 de Ciências da Natureza. As provas acontecerão em dois domingos consecutivos

Dicas - O candidato nessa etapa deve procurar relaxar, descansar e desacelerar do ritmo pesado do ano. Não adianta querer rever todas as anotações importantes do ano, é inviável. O importante é relaxar da rotina pesada e estabelecer uma rotina leve para não chocar o corpo somente no dia do exame.

Ir se acostumando a almoçar, dormir e acordar cedo são treinos significativos para o dia D.

Fazer a trajetória da prova e contar que no dia de domingo a condução é escassa e o trânsito está intenso, especificamente no momento que antecede a hora da prova.

Digo isso porque tive uma aluna que perdeu o exame porque não contou com esses aspectos. Não adiantou para ela se dedicar aos estudos, e não cumprir esses protocolos.

No mais, desejo a todos uma semana de tranquilidade. Mantenham a mente calma para que os conteúdos fluam durante o exame.

Sobre humanos e máquinas

Não sabemos ao certo como diferenciar o papel das máquinas e dos humanos futuramente, mas hoje entendemos que as pessoas fazem as perguntas e as máquinas dão as respostas. Com uma pergunta mal elaborada obtemos uma resposta desconexa, então saber perguntar com clareza ao google, easy, entre outros éfundamental para ter uma resposta coerente.

Os humanos são melhores em autonomia, na iniciativa, na memória e no pensamento, insights, na criatividade, enquanto que máquinas são melhores em automação, atividades repetitivas, dados, processamento, inteligência artificial.

O que nos diferencia da máquina é a emoção, ética e a empatia. A reflexão sobre os nossos atos. A máquina não realiza este tipo de procedimento, pois é programada para fazer uma ação estabelecida. A empatia é uma atribuição humana por natureza não decodificada pela máquina.

Temos que nos preocupar é com a nossa condição humana, pois estamos nos assemelhando muito a robôs e se continuarmos assim eliminaremos a nossa melhor diferença.

Homenagem a Santos Dumont

Estre as atrações, o público poderá apreciar acrobacias aéreas

Estre as atrações, o público poderá apreciar acrobacias aéreas

reprodução

Neste mês de outubro o Museu Aéreo Espacial (Musal) está homenageando Alberto Santos Dumont que fez seu primeiro voo com o avião 14-BIS em 23 de outubro de 1906 na França. Assim, o espaço oferece diversas atrações educativas nos dias 26 e 27 de outubro das 8h às 19h.

Serão duas apresentações da Esquadrilha da Fumaça, sendo uma apresentação no sábado e outra no domingo. O público ainda poderá apreciar demonstrações aéreas com acrobacias da Esquadrilha CEU; da Esquadrilha da Associação Brasileira de Acrobacia Aérea (ACRO) com suas aeronaves Super Decathlon; das aeronaves Pitts, Extra 300 e Stearman, além de saltos de paraquedistas das equipes da Força Aérea e do Exército Brasileiro; voos de balão cativo; manobras de aeromodelismo entre outras atrações.

E ainda, visitações ao interior de diversas aeronaves, exibição de filmes, shows infantis, oficinas, entre outras atrações.

A entrada é gratuita, entretanto o Musal convida e incentiva o público a doar 1kg de alimento não-perecível e/ou livros.

Scroll To Top