NITERÓI/RJ
Min:   Max:
Educação e Novas Tecnologias

Suzana Fernandes é graduada em pedagogia pela Uerj e em música pela UFRJ. Especializada em educação à distância e em planejamento, implementação e avaliação pela PUC-MG. Professora de música e de ensino religioso da rede municipal do Rio de Janeiro e palestrante internacional sobre o tema e-learning. E-mails para esta coluna: [email protected]

Dicas para facilitar a vida do estudante na volta às aulas

.

Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Organize seu material

Faça uma limpeza na sua mochila, veja se precisa de reparo, ou mesmo uma nova. Verifique os itens do estojo. Não se esqueça de doar o que não quer.

Tenha uma agenda ou planner

Libere espaço de memória para o conteúdo didático. Vai fazer toda a diferença quando você tiver um volume de coisas a realizar.

Aprenda a aprender!

Um caderno com divisão de matérias é uma forma de condensar os assuntos por área de conhecimento. Na hora de estudar se torna mais fácil. Vale ressaltar que se deve anotar, fotografar ou gravar (se for permitido) os comentários do professor e suas "dicas".

Tenha iniciativa!

Faça resumos dos assuntos dados, pois quando vier o período de provas é só ler. Não deixe para o último prazo seus afazeres.

Evite faltar as aulas

Uma falta é, antes de mais nada, uma interrupção no processo ensino-aprendizagem, pois aquele tópico não será trabalhado da mesma maneira novamente.

Crie metas

Estabeleça metas palpáveis e se dedique a cumpri-las. Por exemplo: ter x horas de estudo semanal, fazer as lições de casa, cumprir com as listas de exercícios, entre outros

Estabeleça sua rotina

É de suma importância criar uma rotina equilibrada de estudo, sono, alimentação e exercícios físicos. A mente e o corpo devem trabalhar juntos para o seu êxito.

Mantenha momentos de lazer

Não descuide dos momentos de lazer que servem para revigorar. Equilíbrio é a palavra de ordem.

Seja otimista!

Na resiliência está o otimismo. Seja otimista no pensar, no falar e no agir. Esta atitude trará bons resultados.

Adaptação escolar infantil

A criança pequena em geral, só conhece o ambiente familiar e entrar para a escola é o momento da descoberta, não só do espaço físico pensado para ela, mas da ampliação das relações sociais e de se compreender no mundo.

A adaptação escolar é o período em que a criança e seus familiares passam a criar relações afetivas com a escola, são acolhidos e se sentem pertencentes a ela.

É neste momento que o "nosso bebê" começa a estabelecer seus laços afetivos onde ele é o protagonista. É o início a construção da autonomia da criança, respeitando-a como pessoa em desenvolvimento.

Para que esse processo ocorra naturalmente, é importante que a família transmita segurança.

Atitudes para uma adaptação de sucesso:

Converse com sua criança, mesmo que bem pequena, não a subestime.

Leve seu filho para conhecer a escola e visite os espaços com ele para que vá se familiarizando.

Registre o primeiro dia, tire foto. A criança entende que a gente fotografa o que é significativo.

No primeiro dia vá caminhando normalmente, evite o colo por conta do desapego e converse com seu filho que logo irá buscá-lo. Evite longas despedidas, não crie um clima de separação.

Não demonstre ansiedade. Alguns pais passam sentimentos de instabilidade o que dificulta o processo.

Mantenha a rotina que a escola estabelecer, pois lembre-se escola e família agora são uma equipe.

Em caso de dúvida fale com a coordenação que está apta a te esclarecer.

Cada criança tem um tempo biológico maturacional próprio, então umas se adaptarão logo nos primeiros dias, outras em 1 semana, 15 dias e outras levarão 1 mês. Isso é normal.

Curso de libras gratuito

Oportunidade de qualificação, o curso de Libras do Instituto Nacional de Educação de Surdos (INES) é gratuito e aberto a todos os públicos. Ele acontece semanalmente e tem a duração de dois anos e meio.

As inscrições para o sorteio eletrônico de vagas para o Nível I do Curso Regular de Libras serão realizadas exclusivamente pela internet, no endereço eletrônico: www.ines.gov.br, no dia 18 de fevereiro, das 11h às 20h.

Também é possível acompanhar a divulgação de turmas e horários pelo site do INES.

Scroll To Top