NITERÓI/RJ
Min:   Max:

Niterói entre as cidades mais inteligentes do País

No ranking Connected Smart Cities, o município está em 12º lugar no cenário nacional e em 1º no Estado

Niterói está entre as cidades mais inteligentes do País

Lucas Benevides

Niterói foi classificada como a 12ª cidade mais inteligente do País e a melhor do Estado. O resultado foi publicado na 5ª edição do Connected Smart Cities, lançada nesta terça-feira, em São Paulo. A primeira colocada foi Campinas, seguida de São Paulo e Curitiba. O levantamento, realizado pela Urban Systems, em parceria com a Sator, mapeia todas as cidades com mais de 50 mil habitantes (666 municípios) com o objetivo de definir as cidades com maior potencial de desenvolvimento do Brasil.

O ranking é composto por indicadores de 11 principais eixos: mobilidade, urbanismo, meio ambiente, tecnologia e inovação, economia, educação, saúde, segurança, empreendedorismo, governança e energia.

"A Plataforma Connected Smart Cities é uma iniciativa que envolve empresas, entidades e governos e tem por missão encontrar o DNA de inovação para cidades mais inteligentes e conectadas, sejam elas pequenas ou megacidades", comenta a idealizadora da plataforma e diretora executiva da Sator, Paula Faria.

Niterói também garantiu um bom desempenho no quesito Meio Ambiente (3º lugar), que avalia a infraestrutura de saneamento, acesso a água e coleta e recuperação de resíduos sólidos. O município foi considerado o melhor colocado entre as cidades com mais de 500 mil habitantes.

Em Saúde (6º) e Segurança (15º), Niterói também conquistou uma boa classificação. No ranking de Tecnologia e Informação, a cidade ficou em 16º lugar.

Já a cidade do Rio de Janeiro foi destaque no indicador Empreendedorismo, conquistando a 1ª posição.

A Região Sudeste concentra as cidades mais inteligentes e conectadas, sendo seis municípios entre os 10 mais bem colocados (em 2019 foram sete). Três municípios são da Região Sul e um do Centro-Oeste, sendo que as regiões Norte e Nordeste não têm representante entre os 10 melhores. Palmas (TO) está na 19ª colocação no Ranking Geral e Recife (PE) na 23ª. Com o 2º lugar no Ranking Geral, São Paulo conquistou o 1º lugar em Mobilidade e Acessibilidade.

Na classificação por Região, destacam-se: no Centro-Oeste, Brasília (DF) com a 1ª colocação no Ranking Connected Smart Cities; no Nordeste, Recife (PE); no Norte, Palmas (TO); no Sudeste: Campinas (SP); e no Sul: Curitiba (PR). Jaguariúna (SP) é o destaque das cidades entre 50 e 100 mil habitantes; de 100 a 500 mil: São Caetano do Sul (SP); e acima de 500 mil habitantes: Campinas (SP).

Para o Presidente da Urban Systems e sócio da Plataforma Connected Smart Cities, Thomaz Assumpção, o Ranking Connected Smart Cities se adapta ano a ano para atender às expectativas do mercado, do setor público e da população das cidades analisadas, buscando estar mais próximo dos conceitos de cidades inteligentes, sem perder a perspectiva brasileira do conceito.

"Com a incorporação de indicadores inspirados na ISO 37122 para cidades inteligentes, publicada neste ano, o Ranking Connected Smart Cities novamente se antecipa às discussões mais recentes de cidades inteligentes proporcionando, assim, a todos os envolvidos pensar as cidades de forma inteligente, com uma visão mais atual e moderna do conceito. Ser adaptável e se melhorar a cada ano é também um modelo inteligente de avaliar as cidades e é isso que torna o Ranking Connected Smart Cities tão relevante para gestores e população", disse Assumpção.

Scroll To Top