Febre amarela já matou 67 macacos

Atualidades
Tpografia
  • Mínimo Pequeno Médio Grande Gigante
  • Fonte Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

Os macacos da espécie Alouatta guariba clamitans, conhecidos como bugios, não têm sido mais vistos no Horto Florestal, um dos parques urbanos mais visitados na Zona Norte de São Paulo, no pé da Serra da Cantareira, um dos remanescentes de Mata Atlântica na cidade. Desde outubro do ano passado, quando a morte de um desses animais alertou os agentes de saúde sobre a circulação do vírus da febre amarela, já foram notificadas a morte de 67 de um total estimado de 86 integrantes de 17 grupos da espécie no entorno do parque.